Feeds:
Posts
Comentários

Archive for the ‘Pensamentos para o domingo’ Category

Minha mãe é uma mulher linda.  Mas como a maioria das mulheres vive insatisfeita com o seu corpo. Ela quer emagrecer e vive me perguntando se é verdade que isso ou aquilo ajuda a perder peso. O novo culpado para ela é o metabolismo. Então agora anda atrás de tudo que possa acelerar o metabolismo.

Ela faz pilates, caminhadas e tem uma dieta bem saudável. Seu maior pecado, se é que se pode chamar de pecado, é o consumo de vinho tinto. Está longe de ser gorda. E talvez o maior problema não seja a largura do seu quadril mas a dificuldade de aceitar que o seu biotipo não é super magro. Nem o meu 😉

Gente, cada mulher tem que aceitar a sua beleza do jeito que ela é! Claro que eu não sou contra a gente querer melhorar, perder uns quilinhos, tirar umas manchas, deixar a pele mais lisa, etc e tals. Mas mais importante do que isso é a pessoa se gostar! Coxas roliças podem ser charmosas dependendo da autoconfiança da dona.

Quem se gosta vive bem, de maneira saudável e se permite! Comer um pedação de bolo de chocolate, exagerar uma vez ou outra no sorvete ou colocar o pé na jaca num churrasco faz parte da vida boa e feliz que queremos ter.

Ficar lutando para atingir um ideal de beleza inatingível trás traz frustrações e não deixa ninguém bonita.

Bom final de domingo para todos!

Mais pensamentos de beleza de domingo aqui do Bulle

Read Full Post »

Para ler ouvindo: Pense e Dance ou Bittersweet Simphony

Está definido: eu sou uma pessoa politicamente incorreta. Eu não tenho paciência para essa coisa de que todo mundo tem que ser certinho o tempo todo, e que nunca pode pisar na bola. Aliás, tem coisa mais chata do que esse negócio de politicamente correto? Tem sim, as mocinhas da ficção.Não sei quanto a vocês, mas eu sempre torço pelas vilãs. Primeiro porque elas são humanas, as mocinhas mais parecem com as pessoas que eu conheço nas comunidades do Orkut, são tão mais que perfeitas que irritam. Mas o que ma fascina nas vilãs não é a humanidade é o fato que elas chamam para si a responsabilidade pelas suas vidas, elas correm atrás, vilã que é vilã não se lamenta, no máximo tem raiva. Vilã não fica de nhé, nhé, nhé.

Na beleza as vilãs ditam mais moda do que as mocinhas. Porque elas ousam. Elas conhecem o poder de sedução feminino e usam a sua beleza para chegar onde querem. Elas têm consciência também que para serem belas e sedutoras tem que ralar. As vilãs sabem que não adianta ficar esperando a vida passar acreditando que no final tudo irá acabar bem para elas.

No mundo politicamente correto da ficção as vilãs sempre costumam se dar mal no final: ou morrem, ou ficam loucas, ou pegam cana ou se jogam do precipício. Eu gosto quando elas acabam dando tchau no jatinho particular, deglícia! Agora, quer me deixar com raiva é a vilã virar madalena arrependida e ficar boazinha no final, aí é de matar!

Com vocês nesse domingo uma lista das mais belas vilãs da ficção. Ninguém precisa virar má para ser bela, óbvio, mas uma pitadinha de veneno, dá um tempero e torna qualquer pessoa mais interessante, né não?

Pela ordem: Maria de Fátima (Gloria Pires em Vale Tudo), Mulher Gato (Michelfe Pfeiffer em Batman o Retorno), Kathryn Merteuil (Sarah Michelle Gellar em Segundas Intenções), Eve Harrington (Anne Baxter em A Malvada), Laura (Claudia Abre em Celebridades).

Quer se inspirar? Reveja alguns dos melhores (ou piores) momentos dessas vilãs maravilhosas!

Maria de Fátima em Vale Tudo

Mulher Gato de Batman, o Retorno

Kathryn de Segundas Intenções

Eve de A Malvada

Laura de Celebridades

Read Full Post »

Uma vez eu li uma frase da Maitê Proença dizendo que ela não passava nada na pele que não pudesse também ser ingerido pela boca, ou seja, que ela sempre usava cosméticos naturais. Um conselho de beleza

Maitê como Dona Beja, lindissima tomando banho de cachoeira é a imagem que vem a cabeça quando penso em produtos naturais.

Maitê como Dona Beja, lindíssima tomando banho de cachoeira é a imagem que vem a cabeça quando penso em produtos naturais.

vindo de uma pessoa linda como ela sempre devemos levar em consideração, ele é baseado na crença de que tudo que é natural é bom e que as “químicas” é que fazem mal. Mas será que isso é verdade?Em primeiro lugar precisamos desmistificar o termo “química”. Tudo que existe na natureza é composto por átomos e moléculas, então é baseado em elementos químicos. Até água é química, com fórmula e tudo, que todo mundo (menos o Garotinho) conhece. Então não existe essa diferença entre produtos químicos e produtos naturais. O que existe é uma diferença entre produtos naturais e produtos sintéticos (aqueles que são criados nos laboratórios a partir da manipulação de substâncias originalmente naturais). Mas voltando ao tema será que os ingredientes ditos naturais são superiores aos sintéticos?

Quando a gente ouve a palavra natural ela nos remete a coisas boas. Eu já penso em florestas verdes e banhos de cachoeira. A gente nunca pensa em furacões, terremotos nem na radiação, ou nos venenos naturais. Mas na realidade os ingredientes naturais tendem a ser mais perigosos do que os sintéticos. Eles causam mais alergias, tem mais chance de serem contaminados com bactérias e é mais difícil padronizar a sua composição. E não há nada inerentemente bom ao fato de serem naturais. Enfim, via de regra os ingredientes artificiais são mais seguros.

Verifique nas embalagens para ter certeza que o seu produto é mesmo natural ou é só uma jogada de marketing.

Verifique nas embalagens para ter certeza que o seu produto é mesmo natural ou é só uma jogada de marketing.

Mas as pessoas ainda pensam se não faria mal para o nosso organismo passar na pele uma série de ingredientes desconhecidos. Na verdade a pele é uma barreira de proteção excelente, afinal proteger o corpo é a função principal da pele, que é o maior órgão do corpo humano. A maioria dos ingredientes não é absorvida e é por isso que para as doenças de pele mais graves em geral são necessários medicamentos sistêmicos (pílulas, injeções, etc). Então os ingredientes usados na pele costumam ficar ali, para ajudar na suas funções e protegê-la contra as agressões da própria natureza (como sol, vento, frio) ou do homem (como poluição e fumaça de cigarro).

Outra coisa importante que devemos considerar é que a indústria de cosméticos sabe dessa queda das pessoa pela palavra “natural” e usa isso como marketing. Muitos produtos chamados de naturais são na verdade baseados em ingredientes sintéticos e com uma pequena quantidade de algum ingrediente tido como natural para que depois a empresa possa colocar essa palavra na embalagem. As indústrias fazem isso porque sabem que as pessoas preferem comprar, por exemplo, um hidratante a base de Aloe Vera do que a base de Petróleo, mesmo considerando que o petróleo usado em cosméticos funciona muito melhor.

Natureza e ciência podem ser aliadas para obtermos os melhores resultados de beleza.

Natureza e ciência podem ser aliadas para obtermos os melhores resultados de beleza.

No mais, essa estratégia de marketing ajuda a espalhar a ignorância científica e o medo. Em relação aos cosméticos essa idéia não é tão importante, já que tanto os produtos sintéticos quanto os ditos naturais tendem a não fazer mal. O problema é espalhar esse conceito errado de que o natural é bom e o criado pelo homem é ruim ou de que as empresas que fabricam produtos naturais são boazinhas e bem intencionadas e as que fabricam produtos sintéticos são representações do mal. Essa idéia quando saí do campo dos cosméticos e atinge outras áreas da medicina pode causar sérios danos. Quem nunca ouviu histórias de pessoas que abandonaram o tratamento contra o câncer (e perderam a chance de cura) por irem atrás de tratamentos ditos naturais?

Todas nós gostamos de comprar a história e não apenas a funcionalidade de cada produto. Se eu posso ficar bonita e ainda ajudar a conservar uma aldeia indígena é como unir o útil ao agradável. Tem que ver apenas se a história não é de ficção, ou pior, de terror.

Mais pensamentos de beleza para o domingo estão aqui.

Boa Semana!

Read Full Post »

Eu estava conversando essa semana com umas amigas sobre vaidade, cuidados com a aparência, essas perfumarias, quando uma delas apresentou uma frase interessante que eu trouxe para vocês: Beleza é coisa da juventude, os maduros podem ser agradáveis, simpáticos, podem trazer no rosto a herança nítida de uma beleza que morou ali algum dia, mas a beleza pertence à juventude, não podemos resgatá-la e as tentativas de resgate, quanto mais avança o tempo sobre nós, mais esdrúxulas parecem.

As quatro lindas mocinhas, não podem reclamar que papai do céu não foi bondoso em termos de beleza.

As quatro lindas mocinhas, não podem reclamar que papai do céu não foi bondoso em termos de beleza.

É claro que hoje em dia a beleza está muito ligada à juventude. Faz parte da nossa cultura descartável que em geral valoriza o que é novo e despreza o que é velho. Em relação à beleza essa máxima é ainda mais cruel com as mulheres. Vemos por aí uma série de galãs cinqüentões e até sessentões fazendo filmes românticos. Mas mulher com mais de 35 raramente é a mocinha da história. Em termos de saúde isso é um contra-senso, já que as mulheres vivem em média vários anos a mais do que os homens. Portanto a questão é mais cultural do que biológica.

Não cuidar da aparência só por acreditar que ela pertence aos jovens é uma filosofia do tipo “Já que” e que costuma ser usava em uma série de outras desculpas para quem prefere não cuidar da vaidade. Quer exemplos? Já que eu estou grávida e vou engordar mesmo, posso comer quanto chocolate eu quiser. Já que eu não vou sair de casa hoje não preciso nem pentear o cabelo. Já que eu não vou usar biquíni não preciso fazer depilação.

Com QI de 154, oficialmente superdotada Sharon Stone mostra que é mais do que possivel ser linda e inteligente (além de mega sexy).

Com QI de 154, oficialmente superdotada Sharon Stone mostra que é mais do que possível ser linda e inteligente (além de mega sexy).

Eu sou da opinião que cada pessoa tem um nível próprio de vaidade. Algumas são mais e outras são menos e não há nada de errado com isso. Uma pessoa pode não se importar nem um pouco em estar fora dos padrões estéticos (que muitas vezes mudam e são culturais mesmo) ou pode se achar linda com os cabelos ressecados, as unhas descascadas e a depilação vencida, enquanto outra sente que precisa estar sempre com a pele, o corpo, e os cabelos em dia.

O que eu não concordo é quando se associa o cuidado com a aparência com o não-cuidado com a cabeça. Já passamos da fase que a mulher tinha que escolher entre ser bonita ou ser inteligente né, gente?

Por outro lado, temos que tomar cuidado para não cair em exageros que acabam deixando as pessoas mais feias ao invés de mais bonitas (Michael Jackon é o maior exemplo, mas existem vários), e também para não sobrevalorizar os nossos defeitos. As pessoas quando olham para você a primeira coisa que reparam não são nos 3 fios de cabelo branco que estão saindo na cabeça nem no esmalte que acabou de dar uma lascadinha. Vaidade é bom, mas viver em função dela não é lá muito saudável.

Então é isso: Aprecie com moderação (mas de vez ou outra se jogue de cabeça também porque ninguém é de ferro)!

Mais pensamentos de domingo é só entrar aqui.

Sophia Loren, Julie Andrex, Brigite Bardot e Liz Taylor tem menos de 3 anos de diferença de idade e mostram que os cuidados fazem diferença na maturidade, ou não?

Sophia Loren, Julie Andrex, Brigite Bardot e Liz Taylor (as mocinhas lá de cima) tem menos de 3 anos de diferença de idade e mostram que os cuidados fazem diferença na maturidade, ou não?

Read Full Post »

Existe uma frase que para mim funciona como um mantra: somos quem queremos ser!

Se tem uma coisa que me irrita profundamente nas pessoas é a mania de reclamar. Não agüento quem reclama de tudo: do marido, da empregada, do trabalho (ou da falta dele), do tédio, dos quilos a mais, do cabelo ressecado. Porque eu acho que é o seguinte: tem alguma coisa na sua vida que está te incomodando muito? Mude! Largue o marido, o emprego, mande embora a empregada, faça dieta, arrume seu cabelo, mas pare de reclamar! Ficar se lamentando não leva ninguém a lugar nenhum.

a sua felicidade só depende de você...

É clichê mas é verdade: a sua felicidade só depende de você...

A primeira coisa que precisamos fazer quando queremos alguma coisa é definir a prioridade daquilo: qual é a importância que tem agora na sua vida uma mudança na aparência? Se essa importância é mínima, você está concentrada em terminar de escrever a sua tese de doutorado ou em cuidar do seu filho pequeno? Beleza, faça o básico que pareça necessário para você se sentir bem agora e invista na beleza mais tarde. Nenhum problema quanto a isso.

É importante dizer que a pessoa que não se concentra, não se esforça em um determinado objetivo vai sempre ficar se lamentando depois (como aconteceu com muitos dos nossos atletas olímpicos). Eu me lembro quando estava no colegial (ops, ensino médio) e estavam rolando umas palestras sobre profissões. Uma das palestras era com um pianista famoso o Arthur Moreira Lima. Aí um colega meu que queria ser músico disse para o pianista: Eu daria a minha vida para tocar como o senhor. Quando o Arthur respondeu: Pois é meu filho, eu dei a minha.

Então não venha com o papo eu queria taaanto ser mais bonita, eu queria taaaanto saber me vestir bem, eu queria taaaanto poder estudar enquanto passa o dia comendo porcaria a vendo os programas vespertinos da televisão. Quem quer taaanto corre atrás, investe, estuda, lê, busca alternativas, conversa com as pessoas, faz um planejamento, segue e atinge seus objetivos.

...o gato é consequencia e não pré-requisito!

...o gato é consequencia e não pré-requisito!

Em termos de beleza tem uma frase da Cristina Arcangeli no seu livro Beleza para a vida inteira que diz mais ou menos assim: A sua beleza é proporcional ao quanto você se dedica a isso. Totalmente verdade a meu ver especialmente para quem passou dos 30. Mocinhas de 18 anos podem simplesmente ter sido abençoadas com uma beleza natural genética. Mas toda mulher bonita aos 30, 40, 50 se esforçou para estar assim.

Então amiga deixe de lado a filosofia zecapagodiana “deixe a vida me levar” e tome você as rédeas da sua vida. Primeiro descubra o que você quer ser (essa é a parte mais difícil…) descoberto isso: arregace as mangas e vamos em frente!

Uma frase da Nina Garcia (umas das mais influentes mulheres da moda) que acaba de lançar o livro The One hundreds (com os 100 itens de consumo que toda mulher de estilo deveria ter, clica no link e dê uma olhada dentro do livro!):

Você é uma deusa. Então comece a se tratar de acordo. Faça as suas unhas tome banhos longos, use um bom perfume. Faça o que for preciso para se sentir maravilhosa.Mime você mesma, ou ninguém irá fazê-lo. Comece a se adorar!

Uma boa semana cheia de realizações e beleza para todas!

Mais pensamentos para o domingo aqui. 

Read Full Post »

Qual é a melhor definição de beleza? Para a ciência a beleza é quase sinônimo de simetria. Isso mesmo, apresentar medidas idênticas dos dois lados do corpo é um sinal universal de beleza, independe de qualquer noção cultural que possa haver a respeito de preferências como peso, altura, cor da pele, dos olhos, etc. Tudo o que possa manchar essa simetria como espinhas, cicatrizes, rugas, flacidez, alguma parte meio torta, também indiretamente influenciam nessa medida objetiva de beleza.

A ciência já comprovou isso apresentando coleções de fotos para pessoas de diferentes culturas e concluíram que as pessoas que sempre apareciam na lista dos mais bonitos eram as que tinham traços simétricos. Já foi comprovado também que animais simétricos apresentam crescimento acima da média, são mais férteis e tem uma expectativa de vida maior.

Pode ser também que a simetria facial revele os melhores amantes. Pesquisa coordenada pelos cientistas americanos Steven Gangestad e Randy Thornhill, que envolveu o estudo da vida sexual de 86 casais heterossexuais na faixa dos 20 anos, constatou que as mulheres tinham mais orgasmos nas relações com homens cujo lado esquerdo era idêntico, ou quase idêntico, ao lado direito. De novo, um truque reprodutivo: estudos sugerem que, ao ter um orgasmo, a mulher retém mais espermatozóides – o que aumenta as chances de engravidar. Vocês podem não acreditar, mas existe um número enorme de artigos científicos sobre o assunto, veja aqui

Se você quiser brincar e ver o quão simétrico é o seu rosto esse site  é bem divertido.

Se você brincou com a sua foto me conta se dá ou não raiva da senhora Brad Pit?

Se você brincou com a sua foto me conta se dá ou não raiva da senhora Brad Pit?

 

Hay que endurecer, pero sin perder la ternura jamás!

Hay que endurecer, pero sin perder la ternura jamás!

Mas eu não concordo muito com essa idéia não. Para mim a beleza é sinônimo de delicadeza, pelo menos no que diz respeito às mulheres. Pensem bem: quantas mulheres grossas e bonitas você conhece? Eu não conheço nenhuma. Conheço mulheres más e lindas (tem umas vilãs que arrasam), chatas e lindas, burras e lindas, agora grossas não tem.
Mas a delicadeza que devemos cultivar hoje, porém não é a delicadeza frágil. Nada a ver com a flor indefesa do Pequeno Príncipe. Podemos ser firmes, fortes, corajosas e ainda assim delicadas.
Pense nisso e cultive a delicadeza. Preste atenção na sua forma de andar, do seu tom de voz, na maneira com que se senta, como trata as pessoas, tudo isso faz parte da sua beleza não é meishmo?

Uma semana linda e delicada para todos!

Mais pensamentos de domingo aqui.

Read Full Post »

Pra ficar bonita tem que sofrer? Muita gente acredita na verdade dessa frase, não é? Afinal, crescemos ouvindo isso. E de fato as mulheres, para se adaptarem aos rígidos padrões de beleza ditados em cada época, se submeteram vários tipos sofrimento. Do espartilho antigo à lipoaspiração atual existe uma infinidade de torturas que nós já praticamos.

As meninas desde de pequenas já ouvem quem mulher para ficar bonita tem que sofrer!

As meninas desde de pequenas já ouvem quem mulher para ficar bonita tem que sofrer!

Esse pensamento de hoje vai, porém na direção contrária. Para mim não há beleza sem prazer. Temos que buscar alternativas para nos cuidarmos e ao mesmo tempo estarmos felizes porque se não os resultados serão passageiros.

O exemplo mais óbvio é em relação ao peso ideal. Qualquer pessoa que fizer uma dieta à base de frango grelhado com alface vai emagrecer, claro. Mas quem agüenta comer algo tão insosso por mais de um mês? E aí quando a dieta acaba os quilos voltam mais rápido do que se foram. Então temos que descobrir uma dieta que ao mesmo tempo emagrece, dê prazer, aumente a energia e melhore o humor.

Por isso que o melhor livro que dieta que eu conheço é Mulheres francesas não engordam. A autora do livro sabe que a comida dá prazer, que um bom vinho dá prazer e que ninguém vive eternamente sem prazer. Então ela recomenda que a gente se jogue quando vale à pena e compense no dia seguinte (e não com alface, mas com comidinhas gostosas que não engordam…). Não quero dizer que esse livro é o melhor conselho de dieta para todo mundo, mas cada pessoa tem que descobrir o seu modo de atingir seus objetivos estéticos sem sofrimento, pois esse é o único jeito dele durar.

Atividade fisica prazerosa é para a vida toda e não só para o próximo verão!

Atividade física prazerosa é para a vida toda e não só para o próximo verão!

O mesmo vale para o exercício físico. Se exercitar tem que equivaler a fazer amor com o próprio corpo (aliás já disse que sexo embeleza, lembram?). Algumas pessoas conseguem isso numa sala de musculação de academia, mas a maioria não. Então descubra o tipo de atividade física que te dá prazer e aposte nela, pode ser caminhar na praia, sair para dançar, andar de bicicleta (seja pela cidade seja numa bicicleta ergométrica assistindo o seu seriado preferido), praticando algum esporte competitivo, enfim, só você pode dizer. Agora eu digo o seguinte: se for uma tortura não vai durar.

Outras resoluções de saúde e beleza também passam pelo prazer. Me lembrei de uma consulta médica que eu acompanhei com um professor terrorista que dizia para o paciente “se o senhor não parar de fumar, o senhor vai morrer” no que o paciente, do alto da sua sabedoria de quem nem tinha o curso fundamental completo, respondeu “e o dotô não vai?” É por isso que quando eu vou recomendar para um paciente deixar de fumar eu não foco nos malefícios do cigarro (isso todo mundo sabe…) eu foco no prazer que será poder sentir melhor o cheiro da comida saindo do forno, o aroma da mulher amada, ter mais fôlego para fazer as atividades prazerosas, ficar com a pele mais jovem e bonita.

Comer bem com prazer é o segredo pra manter o peso para sempre.

Comer bem com prazer é o segredo pra manter o peso para sempre.

É claro que tem algumas coisas que não tem jeito. Deve ter gente que consegue ter prazer numa sessão de depilação com cera quente (a experiência me mostrou que tem louco para absolutamente tudo nesse mundo), mas para a maioria depilação é sinônimo de dor. Se para você a dor é insuportável: desista. Troque a depilação por lâmina, creme depilatório, junte grana para depilação a laser, sei lá. Agora se for suportável tente deixar o programa mais bacana: tome um vinhosinho antes para dar aquela relaxada e marque para o mesmo dia algo que você ame de paixão (tá…vale até dar uma passada naquela lojinha de bugigangas), aí pelo menos você associa uma coisa boa ao momento tortura (minha mãe já era sabia disso quando deixava a gente escolher um sorvetão da Offner depois da consulta mensal no dentista por causa daquele horror que era usar aparelho fixo nos dentes).

Então é isso, passe seus cremes como quem se faz um carinho, e cultive a beleza com alegria. Boa semana!

Read Full Post »

Older Posts »