Feeds:
Posts
Comentários

Archive for the ‘Pele sensível’ Category

Conforme o prometido seguimos essa semana com uma série de posts sobre os ingredientes antioxidantes mais utilizados  nos nossos creminhos. Vamos falar hoje do ALA, ácido alfalipóico.

O ALA é um ingrediente que tem duas funções principais: ele atua como anti-inflamatório e também promove uma descamação leve da pele, fazendo uma esfoliação que funciona como um peeling superficial. Ele é um componente que existe no nosso corpo e que é utilizado nos processos de produção de energia, quando oferecido adicionalmente ajuda a combater os famosos radicais livres.

Os últimos estudos (resumidos pela equipe de dermatologia da British Columbia University do Canadá), concluiram que o ALA a 5% aplicado diariamente no rosto por 12 semanas deixaram a pele mais lisa, fina e com menos linhas finas.

A ação anti-inflamatória desse ingrediente também é interessante após tratamentos na pele com laser ou luz intensa pulsada. Porém os estudos concluiram que ele não tem ação sobre a vermelhidão causada pela exposição ao Sol. Ele também não tem poder de reverter o número de células afetadas pelos raios ultravioletas, portanto deve sempre ser usado em conjunto com filtros solares.

Além de atuar sozinho o ácido alfa lipóico também potencializa os efeitos de outros antioxidantes, como as vitaminas C e E.  Isso ocorre porque ele é efetivo tanto em ambiente aquoso quanto oleoso, e ajuda a transportar esse outros ativos para as células.

Eu não encontrei (apesar de ter pesquisado bastante) muitos creminhos vendidos no Brasil que contém o ingrediente Apesar dele constar em muitas fórmulas manipuladas por dermatologistas.  Os que eu achei foram os seguintes.

Bel Col Revigor intensive, Bel química

Eye Area Therapy, Perricone do Brasil

Hidratante à base de ácido alfa-lipóico com DMAE Face Firming Activator, Perricone do Brasil.

Se alguém usa produtos que contém ácido alfalipóico e puder dar o depoimento e a indicação nos comentários seria bem legal!

Até mais

Renata

Read Full Post »

Eu me lembro que há um tempo era muito comum ver carros de advogados (e provavelmente, seus  amigos, parentes e wannabe advogados porque eram muuuitos carros) adesivos com a frase “consulte sempre um advogado”.  E eu ficava pensando: como assim consulte SEMPRE? Já que eu não sentia nenhuma necessidade (ainda bem!) de precisar desse tipo de conselho especializado.

Então também não vou advogar a frase: consulte sempre um dermatologista. Até porque se a gente pensar na realidade da saúde pública brasileira, que atende a maioria da população, os médicos especialistas em pele são espécies raras. E mesmo se considerarmos quem tem plano de saúde, leva teeeempo pra conseguir agendar uma consulta com um bom dermato pela maioria dos planos.

Na verdade os problemas de pele mais comuns como queimaduras de sol leves, alergias recentes, acne de grau baixo na adolescência, assaduras em bebês, micoses no pé,  etc não necessitam de consulta especializada. O próprio médico geral, ou pediatra, ou ginecologistas pode dar conta do problema. Mas algumas situações são mais complexas e merecem uma atenção de um médico que estudou mais profundamente as doenças da pele.

Em geral os principais motivos para você procurar um dermato são:

1. Alterações na pele que não estão melhorando com o tratamento proposto pelo médico geral, ou que vão e vem.

2. Feridas que não estão cicatrizando

3. Se você tem  história pessoal ou na família próxima (não vale a prima da tia do seu avô) alguém com câncer de pele.

3. Se você tem muitas pintas, sardas, ou mesmo tem a pele muito branquinha. Mais urgente se tem pintas que estão mudando de cor, tamanho, ou se estão coçando ou doendo (nesses últimos casos marque consulta para ontem!).

4.Se você tem doenças de pele mais graves como psoríase, rosácea, dermatite atópica.

5. Se você tem acne mais severa, ou que não está melhorando, ou depois da idade adulta.

Além dos itens acima, também vale a pena consultar um dermato por razões pessoais e estéticas. Para saber quais os tratamentos de beleza são indicados para a sua pele. Nem que seja só para saber o que existe. Afinal nem só de necessidade, mas também de desejo é feita a vida.

Beijão

Read Full Post »

Faz tempo que eu tinha prometido um post sobre hidratantes. Mas sabe como é, a vida por aqui anda corrida e o tempo vai passando e às vezes eu até esqueço as minhas promessas!

Mas a gente tarda mas não falha então hoje resolvi escrever sobre esse ingrediente importante na rotina da pele. Afinal todo mundo quer ter uma pele mais macia.

Os hidratantes são o meu sonho de consumo em termos de creminhos. Quem está acostumada a passar cremes nada cheirosos e sentir depois a pele arder, repuxar, descamar entende o que eu estou falando. Tem coisa mais gostosa do que um creminho cheiroso que deixa a pele macia? Só sexo e chocolate né? 

Os hidratantes previnem e tratam o ressecamento da pele. E não é só: eles também protegem a pele sensível, melhoram o tônus e a textura da pele e escondem imperfeições. Na verdade a gente pode encontrar no mercado hidratantes que prometem resolver qualquer problema de pele que você tenha, de descamação a poros abertos, mas será que eles entregam o que prometem?

Quais os ingredientes dos hidratantes?

Os hidratantes funcionam de duas maneiras: atraindo água para a área superficial da pele ou atuando como barreira impedindo que a água evapore. Os ingredientes em geral são compostos por umectantes e emolientes além de outros ingredientes.

  • Umectantes: ureia, glicerina, alfahidróxi ácidos, entre outros. São as substâncias que absorvem água do ar e seguram a umidade na pele. Por isso, para funcionar esses ingredientes precisam ser aplicados em lugares com maior umidade do ar, caso contrário não tem de onde puxar água, né!. Eles também são úteis para deixar a pele mais macia.
  • Emolientes: lanolina, óleo mineral, petrolatum entre outros. Esses ingredientes preenchem os espaços entre as células da pele, ajudando a repor o óleo e lubrificando a pele. Eles podem ter base oleosa ou aquosa. Os emolientes a base de óleo fixam melhor na pele e duram mais. Já os emolientes a base de água são mais fáceis de aplicar, não deixam muitos resíduos mas saem mais facilmente.
  • Fragrância: é o perfume colocado nos hidratantes para dar aquele cheiro gostoso. Mas cuidado porque são a principal causa de reações alérgicas que ocorrem nesse tipo de cosméticos.
  • Preservativos  Conservantes (assim não dá margem pra dúvida rsrs): qualquer produto que contenha água ou óleo na sua compoisção precisa de conservantes para evitar a contaminação por bactérias. Eles evitam que você ganhe uma infecção ao aplicar um cosmético mas também são responsáveis por algumas reações alérgicas ou irritativas na pele.

Os hidratantes também podem vir com uma série de outros ingredientes como vitaminas, minerais, extratos de plantas, filtro solares ou auto-bronzeadores. Alguns também contém ingredientes que prometem reduzir rugas, estrias, poros, etc, etc, etc. Mas nada disso tem comprovação científica. Lembrem-se que hidratantes são classificados como cosméticos. Cosméticos não podem alterar a estrutura da pele e não penetram a derme (camada mais profunda da pele), caso fizessem isso passariam a ser classificados como medicamentos. Então não pague fortunas nem espere milagres dos hidratantes. Em geral, tirando o cheiro, a textura e a embalagem não existe diferença real entre o mais caro e o mais barato dos hidratantes disponíveis no mercado.

Qual o melhor hidratante para você?

Pele normal: Os melhores hidratantes são os a base de água, que deixam a pele com uma textura gostosa e são fáceis de aplicar. Esses hidratantes também podem conter óleos leves como cetil alcool ou ingredientes derivados do silicone como a ciclometicona. Lembra do silicone como primer?

Minha dica de hidratante para pele normal

pele normal

 

Pele seca: para recuperar a pele escolha um hidrantante mais pesado, com base oleosa que contenha ingredientes como uréia ou propilenoglicol. Para as peles muito ressecadas a base emoliente em óleo é melhor porque ela dura mais e faz uma barreira protetora mais eficiente.

Minha dica de hidratante para pele seca:

pele seca

Pele oleosa: há quem diga que a pele oleosa não precisa de hidratante e eu até concordo. Na minha rotina o hidratante vai para o corpo e no rosto eu acho que só o filtro solar já está mais do que bom. Mas quem está fazendo tratamento com ácidos por exemplo, ou usando isotretinoína oral, pode sentir a pele muito ressecada. Nesse caso pode-se usar um hidratante no rosto durante o dia, procurando produtos que sejam não comedogênicos e que contenham ácido salicilico.

Minha dica de hidratante para pele oleosa

pele oleosa

Pele sensível: As peles sensíveis são mais propensas a vermelhidão, descamação e coceira. Por isso prefira um hidratante livre de fragrâncias e ingredientes irritantes, lembra deles?

Minhas dica de hidratantes para pele sensível

pele sensivel

Pele madura: Conforme o tempo passa, a pele tende a ficar mais seca, já que a sua produção de óleo vai diminuindo. Para manter a pele macia, procure um hidrantante com base oleosa como o petrolatum, adicionado de umectantes como ácido láctico ou alfahidróxi ácidos.

Minha dica de hidratante para pele madura:

pele madura

Como tirar maior proveito do seu hidratantes.

  1. Escolha um produto adequado para seu tipo de pele e suspenda o uso se sentir a pele pior, hidratantes só devem melhorar a pele!
  2. Lembre-se que o preço nada tem a ver com a eficiência do produto.
  3. Aplique o hidratantes logo depois do banho ou depois de lavar o rosto assim você consegue “prender” aquela umidade que fica na pele. Quem aplica mais de um produto além do hidratante pode fazer nessa ordem: limpeza-creme de tratamento-hidratante-filtro solar-maquiagem (ufa!)
  4. Não use cremes pesados na sua pele a não ser que ela seja super seca. Deixe os cremes pesadões para os pés, mãos e cotovelos onde até a mais oleosa das pessoas tende a sentir ressecamento.

Suspenda o creme e procure um médico sempre que apresentar reações na pele importantes após o uso de qualquer cosmético.

Read Full Post »

Então pessoas, várias pessoas tem me feito essa pergunta nos comentários de alguns post (aliás abro um parênteses aqui para dizer que eu tenho recebido umas 20-30 perguntas por dia nos posts o que torna humanamente impossível responder a todas, então já peço desculpas por deixar alguns sem resposta).

Eu relutei um pouco para escrever esse post porque quando eu sugeri Leite de Magnésia como primer para usar no rosto muita gente amou, mas um outro tanto saiu me detonando pelo cyberespaco rsrsrsrs.

Voltando ao assunto e sendo bem direta: sim, tanto a dimeticona quanto a ciclometicona , os principais ingredientes usados nos silicones reparadores de ponta de cabelo, também são os principais ingredientes dos primers mais badalados do mercado.

Apesar da aparência oleosa, o silicone na verdade é uma substância hidrófila, ou seja, falando em português, ele se mistura com a água e dessa maneira funciona como um hidratante não-oleoso, “puxando”  água para a pele.  

De acordo com a dermatologista americana Dra. Paula Begoun, consultora em cosméticos,  o silicone ainda melhora a aparência das cicatrizes.

O problema de usar no rosto um produto que foi feito para os cabelos é que eles não contém apenas dimeticona e ciclometicona. Eles também possuem outros ingredientes, especialmente fragrância e corante que podem ser irritantes à pele. Lembram da nossa lista de ingredientes irritantes? Então, especialmente quem tem a pele mais sensível deve testar a idéia primeiro em outra parte do corpo, depois em uma parte pequena no rosto antes de se jogar na sugestão, ok?

E comparando com o leite de magnésia, o que é melhor? Bom, isso vai depender é lógico da sua pele e do uso que você vai fazer. Uma das críticas que eu recebi quando eu falei do leite de magnésia é que os maquiadores costumam hidratar bem a pele das modelas antes de aplicar a maquiagem e que isso ajudava muito no aspecto final. Sem dúvida isso é verdade. Agora uma coisa é uma maquiagem feita numa pele de modelo e que vai ser usada por alguns minutos na passarela ou mesmo uma maquiagem de noiva que vai ser usada de noite no ar condicionado e outra (bem diferente…) é uma maquiagem feita de manhã em uma pele oleosa e que se espera enfrentar um dia de verão escaldante, né?

Por isso o silicone de cabelo funciona melhor nas peles mais secas ou nos dias mais secos (lembram que ele é hidratante né…). O melhor jeito de usar é primeiro lavar o rosto, depois aplicar o filtro solar, esperar secar e daí então colocar uma gotinha de silicone na palma da mão (não mais do que isso) e espalhar pelo rosto. Espere mais um tempinho tipo um ou dois minutos antes de aplicar a maquiagem. Para quem tem a pele mais oleosa eu sugiro fazer o teste primeiro de noite.

Vai funcionar para todo mundo? Provavelmente não, assim como os primers também não funcionam. Mas pelo menos você paga baratinho pra testar e se não gostar do resultado pode usar no cabelo 😉

As pessoas que me perguntaram sobre o assunto nos comentários (foram várias e eu não vou me lembrar os nomes), colocaram esse tópico do orkut como fonte. Quem quiser se apronfundar clica aqui que tem tudo bem detalhadinho, como um dossiê!

Read Full Post »

alimentacao

 

Eu já falei aqui no blog sobre diversos alimentos que fazem bem para a nossa beleza, mas dependendo do seu tipo de pele existem dicas extras sobre a alimentação que podem melhorar a sua aparência. Vamos a elas?

Vou começar por quem tem a pele Oleosa e Sensível que são a maioria das pessoas que prguntam aqui no blog, mas já prometo (antes dos protestos!) que o próximo post será sobre pele seca, ok?

Dieta para quem tem a pele oleosa

O principal objetivo é manter uma dieta que controle as erupções e as inflamações. Uma dieta com pouco açúcar ajuda a tratar a acne. O chocolate que já foi considerado o grande vilão da acne foi absolvido por falta de provas e agora voltou em condicional, ou seja, chocolate meio amargo com alto teor de cacau está livre, mas aqueles super doces prejudicam a acne não pela gordura e sim pelo açúcar. Isso porque muita glicose no sangue leva à liberação da insulina que estimula a produção de hormônios que estão relacionados com o estímulo à produção de óleo na pele. A obesidade em si já aumenta o risco da acne (como já falamos na síndrome dos ovários policísticos) então diminuir açúcar e alimentos com farinha branca ajuda na acne nessas duas frentes. Sem falar que controlar o peso o que é sempre bom.

Alimentos ricos em vitamina A ajudam a controlar a acne (não se esqueçam que o Roacutan e o ácido retinóico são derivados dessa vitamina. Alimentos ricos em vitamina A são poucos entre eles óleo de fígado de bacalhau (eca!) e mariscos (humm). Mas existem uma série de alimentos que são fortificados com essa vitamina. Zinco também ajuda a combater a acne mas como a principal fonte são as ostras (que eu adoro!) e não são fáceis de serem consumidas uma opção é usar suplementos que contenham o mineral.

alimentacao

Tem também os alimentos ricos em beta-caroteno que tem atuação próxima a da vitamina A como batata doce, manga (aproveitem que está chegando a época!!), gema de ovo, entre outros.

O mineral iodo pode piorar a acne porque está relacionado com o aumento dos poros. Se esse é sua principal preocupação evite consumir grandes quantidades de sal iodado e frutos do mar. O sal marinho é uma boa opção e não é iodado.

Quem tem manchas como a principal preocupação deve evitar cerveja (ainda bem que eu não tenho rsrsrs) já que o lúpulo age de maneira similar ao estrogênio. Lúpulo também pode agravar a acne.

A vermelhidão da Rosácea pode piorar com bebidas alcoólicas especialmente vinho tinto. Comidas muito apimentadas também dilatam os vasos sanguíneos e podem piorar o quadro de rosácea, assim como nitratos presentes em embutidos e enlatados.

alimentacao

Alimentos como ovos, peixes e saladas ajudam a diminuir a inflamação. O ômega 3 (encontrado em alguns peixes e ovos enriquecidos) pode ter também um efeito antiinflamatório.

Frutas como a romã e as vermelhas de todos os tipos contém antioxidantes que evitam o envelhecimento e protegem a pele. A luteína das verduras escuras, ovos e laranjas e o licopeno do tomate também são considerados protetores contra câncer de pele. Chá verde também é excelente tanto para tomar quanto em produtos para usar na pele, a casca da maçã e o manjericão também tem efeito no combate ao envelhecimento.

Leia mais sobre alimentos que deixam a gente mais bonita e saudável:

Molho da Nona é uma beleza!
Um brinde à beleza porque hoje é sexta-feira!
Eu só quero chocolate
Mel embeleza desde a época de Cleópatra
Chá verde para ficar mais bonita
Beleza que vem da mesa

alimentacao

Read Full Post »

untitled

Hoje é o dia da consciência negra aqui em São Paulo. Eu acho um feriado meio esquisito porque ele só vale em algumas cidades, como se a consciência negra estivesse presente em alguns lugares e em outros não, o que não faz o menor sentido. E, confesso, tinha até me esquecido do evento e gostei de saber que já na minha volta às aulas teria uma semana curtinha de apenas 3 dias.

3 dias muito intensos, diga-se de passagem. Estou fazendo estágio na Oncologia o que tem me tomado o pouco tempo livre que eu (não) tinha em estudo. É uma área ao mesmo tempo tão triste, intensa e fascinante que fica praticamente impossível não se envolver.

Fora isso meu computador continua na UTI (ou seja, sendo cuidado pelo meu irmãozinho querido…onde quer que você esteja ó Arlindo Orlandpo, volte para o seios de sua amada ;-)) então tá meio complicado dar muita atenção ao blog e responder a todas as perguntas de vocês. Agora, por exemplo, eu estou tirando uma casquinha no computador do maridão que está aqui de olho para eu não clicar em nenhum link esquisito e contaminar o PC dele também rsrsrs. Mas de uma forma ou de outra, seja por e-mail, comments ou post, vou tentando responder as dúvidas mais frequentes.

untitled

Bom, voltando ao assunto do tópico, que pega um gancho com o feriado do dia, muitas mulheres negras têm dúvidas se é necessário um cuidado específico para a sua pele em função da cor. E sendo bem curta e grossa a resposta é não. A pele negra, assim como a branca, a mulata, a oriental e suas variações pode ser seca ou oleosa, pode ter problemas de rugas, de acne, de manchas, de cicatrizes e sensibilidade como qualquer outra. Claro que exitem algumas diferenças na incidência de alguns problemas de acordo com a etnia, mas uma vez que o problema exista, não há diferença no tratamento da pele em função da sua tonalidade. Assim, o tratamento contra a acne na mulher branca-pálida será o mesmo do da mulher negra. Quando a indústria cosmética tenta fazer essa diferença, ela quer segmentar o mercado e vender mais, só isso.

A pele é um órgão como outro qualquer do corpo (o maior aliás) e tudo o que faz mal para uma cor de pele também não será saudável para outra. Não é diferente do fígado, por exemplo, ou seja, um caucasiano que bebe muito estará fazendo tão mal ao seu fígado quanto um negro, o mesmo podemos dizer dos hábitos que fazem mal a pele como o cigarro, a má alimentação, a falta de água e de sono e a exposição ao Sol.

Por falar em exposição ao Sol essa é uma das maiores dúvidas quando se fala em pele negra, já que alguma pessoas acreditam que ela não precisa de proteção solar. Na verdade, realmente quanto mais escura a pele, menor a probabilidade de desenvolver câncer de pele já que a melanina atua como fator protetor. Mas primeiro menos probalilidade não significa zero probabilidade, e segundo a pele negra pode sim sofre os dermatites causadas pelo Sol, bem como é suscetível ao foto envelhecimento.

untitled

Muita gente acha que a pele negra deve ser cuidada mais suavemente porque ela tem uma maior facilidade de apresentar machas se for irritada. Isso pode até ser verdade, mas a prevenção vale para todos os tipos de pele. Assim, produtos que irritam a pele devem ser evitados por todas já que ninguém é imune à manchas.

Assim, independente do seu fototipo de pele todo mundo precisa tratar a sua com o máximo de cuidado evitando ingredientes irritantes, aplicando hidratantes com anti-oxidantes, lavando adequadamente e esfoliando de maneira eficaz, tratando as manchas com os agentes clareadores e sim, utilizando protetor solares com FPS de pelo menos 15 diariamente com um ampla cobertura contra raios UVA e UVB.

Boa sexta-feira! Para quem está de feriado e para quem não está também né!!

untitled

Read Full Post »

Essa é uma das séries de posts que eu mais gosto de fazer aqui do blog, afinal a gente pode saber bem como cuidar da nossa pele no dia a dia, mas sempre tem aquelas horas que alguma coisa dá muito errada e para isso nada como dicas práticas que podem salvar a nossa aparência.

O enredo de hoje é o seguinte: Você é convidada para passar a noite na casa do seu namorado. O bofe é sensível e tem o instinto paternal tão aflorado que divide o quarto com o bichano peludo chamado Garfield (desculpem mas não consegui pensar num nome mais criativo para um gato), o que você acha muito fofo. Mas no dia seguinte, ao acordar, você decobre que tem alergia àqueles pêlos macios. Ok, na verdade você já sabia, mas pensou que se o namorado tivesse que escolher nesse momento entre você e o gato, Garfield levaria a melhor! Resultado: pele inchada e vermelha. E agora?

Bonitinhos mas nem sempre inofensivos!

Bonitinhos mas nem sempre inofensivos!

1. Primeiro todo um banho morno com um sabonete calmante (como os para peles sensíveis) uma dica é o Sabonete líquido de calêndula da granado, que ajuda a acalmar a pele. Isso vai ajudar a remover quaisquer resquícios de pêlo de gato do seu rosto.

2. Tome o anti-histamínico que você estiver acostumada ou pelo menos uma aspirina.

3. Coloque uma máscara calmante na pele. A Kiehls que acaba de abrir uma loja essa semana em Sampa tem uma opção boa para a ocasião a Kiehl’s Soothing Gel Mask (tomara que venda aqui, se for visitar a loja e quiser pedir uma amostra, a versão americana da loja costuma ser bastante generosa, essa é uma boa pedida!). A máscara Apaisant Hydratant da Avéne é outra boa alternativa.

4. Coloque uma compressa fria para ajudar a diminuir o inchaço. Aquelas máscaras de gel que ficam na geladeira são ótemas! Mas quem não tem cão, caça com gato (humpf!): Uma toalha molhada com água fria no rosto já faz às vezes.

5. Use um colírio de limpeza para os olhos com efeito antialérgico. Uma opção é o Patanol, ou o Emadine (ambos são medicamentos então consulte antes o seu médico se não estiver acostumada a usar).Outra opção é usar colírios de limpeza como o Lácrima Plus ou o Fresh Tears.

6. Aplique um hidratante calmante na pele como o Calmance da RoC

7. Finalize com um filtro solar, óculos escuros e um olhar a lá Cruela Devil pra cima do Garfield 😉

Mais da nossa minisérie 192 da Beleza aqui do Blog, veja abaixo!

Bulle de Beauté Minissérie: Beleza 192 – Capitulo 4 – Menina não chore assim!

Bulle de Beauté minissérie:192 da Beleza – A espinha-monstro

Bulle de Beauté minissérie: 192 da Beleza – Dormindo com maquiagem
Bulle de Beauté minisérie: 192 da Beleza – Namorado com barba

Read Full Post »

Existe um tipo de pele que é igual a uma criança manhosa: parece que nada está bom! Hora está muito ressecada, ora está oleosa e com espinhas, em geral está vermelha e dolorida. As tentativas de tratamento parecem que mais atrapalham do que ajudam e acabam muitas vezes piorando o aspecto da pele.

Se você se identificou com a descrição do primeiro parágrafo pode ser que você tenha a pele ultra-sensível. São as pessoas que gabaritam a coluna da pele sensível no teste dos 16 tipos de pele. Várias já deixaram comentários aqui no blog, pedindo ajuda porque já passaram por vários médicos, mas não conseguem acertar no tratamento para a sua pele exigente. Se os médicos que avaliaram a pele ao vivo têm dificuldades vocês imaginam que é impossível dar dicas específicas para cada pessoa de pele sensível que faz perguntas aqui, mas existem algumas dicas gerais que podem ajudar à todo mundo. Inclusive à quem não tem a pele tão cri-cri assim.

Isso porque irritação e inflamação não ajudam nenhuma pele, não só as sensíveis. Então a primeira dica é evitar tudo o que possa irritar ou inflamar a pele. Entre os piores costumes estão: expor-se ao Sol sem proteção, tomar banho mega quente e usar produtos que contenham ingredientes irritantes.

Esses maus hábitos interferem no sistema de defesa da pele, a enzima colagenase fica ativada (quebrando as moléculas de colágeno) e a pele perde a sua barreira protetora. Por outro lado, tratar a pele com cuidado e delicadeza melhora a sua função.

Com o objetivo de eliminar tudo o que irrita a pele desnecessariamente há uma lista de ingredientes e procedimentos que não só não ajudam em nada como podem causar irritação à sua pele. Eles são muitas vezes aplicados nos cosméticos para melhorar a sensação do produto na pele. A menta, por exemplo, provoca uma ardência na pele que é encarada como frescor e, junto com o seu aroma, aumenta a sensação de limpeza. Mas pode-se pagar caro por essa ilusão.

Então se você tem a pele sensível deve evitar os seguintes tratamentos e produtos:

1. Esfoliantes muito abrasivos, como apricot, cristais de alumínio ou cascas de nozes.
2. Adstrigentes contendo ingredientes irritantes como álcool ou menta.
3. Tônicos com as mesmas características.
4. Água muito quente, ou muito fria
5. Vaporizar ou aplicar gelo no rosto.
6. Máscaras faciais com ingredientes irritantes (fique de olho em óleos essenciais e álcool)
7. Sabonetes em barra.

Fique sempre atenta aos rótulos dos cosméticos e procure evitar os seguintes ingredientes (o melhor é imprimir a lista e deixar na bolsa, porque ninguém consegue guardar tudo de cabeça)

1. SD álcool ou álcool seguido de um número (Exceções: Ingredientes como Álcool cetílico ou álcool estearílico são padrão como espessante dos cosméticos e são completamente seguros de usar; SD álcoois não são considerados um problema quando são utilizadas em quantidades mínimas, nesse caso em geral estão no final da lista de ingredientes.
2. Amoníaco
3. Arnica
4. Bálsamo menta
5. Bálsamo
6. Cloreto de benzalcônio (se ele é um dos principais ingredientes)
7. Álcool benzílico (se ele é um dos principais ingredientes)
8. Bergamota
9. Cânfora
10. Canela
11. Sucos cítricos e óleos
12. Cravinho
13. Trevo flor
14. Coentro
15. Óleos Essenciais
16. Eucalipto
17. Eugenol
18. Fragrância (pode ser listado como “Parfume”)
19. Gerânio
20. Grapefruit
21. Lavanda
22. Limão
23. Lima
24. Linalol
25. Manjerona
26. Melissa
27. Mentol
28. Hortelã
29. Casca de carvalho
30. Laranja
31. Mamão
32. Peppermint
33. Fenol
34. Óleo de sândalo
35. Sódio C14-16
36. Lauril sulfato de sódio
37. TEA-lauril sulfato
38. Tomilho
39. Ylang-ylang
Muitos desses ingredientes são bastante comuns nos cosméticos e como a maioria é vista como um ingrediente “natural” as pessoas tendem a achar que são sempre benéficos ou pelo menos inofensivos, o que está longe de ser verdade.

A pele não precisa ser estimulada, machucada ou arder para ser limpa. Aliás quando algum produto arde ao ser passado na pele significa que ele está irritando, não limpando. Se isso acontecer não re-utilize esse produto na sua pele, já que a chance dela fazer mais mal do que bem é grande.

Toda regra tem exceção!

Dados os benefícios de longo prazo que alguns ingredientes podem trazer à pele, tolerar alguma irritação no começo do tratamento (desde que não seja algo muito sério) pode ser necessário. Por exemplo, alguma reação pode acorrer nas primeiras vezes que você usar um produto a base de ácido salicílico, ácido glicólico, ácido retinóico, peróxido de benzoíla, entre outros.

Nesse caso é provável que você tenha que diminuir a freqüência das aplicações ou mesmo diminuir a concentração desses ingredientes no produto que está usando (por isso é sempre importantíssimo usar esses ingredientes com acompanhamento médico). Mas se a irritação persistir por mais do que umas poucas semanas, ou for piorando com o uso do produto você deve suspender o uso e falar com seu médico sobre outras opções de tratamento para a sua pele. Algumas peles simplesmente não toleram certos ingredientes, mesmo aqueles que fazem bem para a maioria das pessoas e insistir neles só trará prejuízos para a sua pele.

Leia mais

Cosméticos naturebas: vale a pena ser politicamente correto no cuidado com a pele?

Pele vermelha? Mega post com muitas informações sobre Rosácea.

Como minimizar os efeitos dos maus hábitos na sua beleza:

 

 

Read Full Post »

A pele da Marina, da Mariana, da Fer, da Elisa, da Flavia, da Maria Ester, da Eloise, da Camila, da Nat, da Daniela, da Evelyn, da Rachel, da Alessandra, da Edi, e de mais um moooonte de gente dourada que mora nesse país tropical, abençoado por Deus e bonito por natureza!

Meninas, eu comecei a copiar e colar as rotinas de cada uma para ir analisando individualmente, como eu fiz com os outros tipo de pele, mas quando estava na metade já tinham duas páginas completas só com as rotinas! Então, achei que seria mais produtivo passar uma rotina básica e ir dando exemplos do que cada uma de vocês faz porque se não ninguém iria conseguir ler até o final. De qualquer maneira se ficar alguma dúvida específica que eu deixei de responder vocês perguntam, ok?

Num primeiro olhar esse pode parecer ser o pior tipo de pele de todos, já que têm todos os problemas: oleosidade, manchas, sensibilidade e ainda tendência a rugas. Mas o fato de ser uma pele complicada não significa que seja uma pele feia. Aliás, as OSPW costumam causar inveja na praia, já que são as que conseguem aquele bronzeado dourado que as não pigmentadas-pele-de-camarão como eu não ficam nem em sonho. E por ficarem tão lindas no sol que muitas acabam exagerando e adquirindo tendência às rugas.

Várias meninas nos comentários escreveram que não concordaram com algumas das classificações. Isso ocorre porque elas estão com uma pontuação baixa em algum critério e essa é a primeira dica para quem tem uma pele OSPW: priorizar o tratamento de um problema e aumentar a prevenção nos outros.

O que isso significa? Primeiro você deve identificar qual dos problemas está te incomodando mais no momento. Vamos supor que sejam as manchas. Então priorize o seu dimdim e o seu tempo tratando as manchas e adote cuidados que vão prevenir (e não tratar) as rugas, a sensibilidade e o excesso de oleosidade. É muito difícil e leva muito tempo (e muito dinheiro) querer tratar todos os problemas ao mesmo tempo. E esse é o maior problema que ocorre nos consultórios de dermatologia entre as pessoas que eu conheço. As meninas OSPW saem do médico com uma lista de produtos que mais parece compra de mês de supermercado. E, por não saberem ou que é mais importante, acabam deixando tudo de lado e o investimento na consulta acaba não sendo aproveitado. Então você OSPW quando for no dermatologista procure deixar bem claro o que te incomoda mais, o que te levou na consulta ao invés de ficar chorando as pitangas sobre todos os problemas 😉
Cuidados básicos para a pele OSPW (segundo o livro A Pele Saudável da Dra. Leslie Baumann) são:

De manhã: Lavar com um sabonete, aplicar um clareador, aplicar um creme para a área dos olhos (opcional), aplicar um filtro solar, aplicar um pó com filtro solar para absorver a oleosidade.

De noite: Lavar com o mesmo sabonete da manhã, aplicar um creme clareador, aplicar um produto com retinol ou ácido glicólico (ou ácido retinóico, com prescrição médica) ou um serum para vermelhidão e irritação, aplicar um creme para a área dos olhos (opcional), aplicar um creme hidratante (opcional).

Quem vai decidir se o opcional é necessário ou não é você sentindo a sua pele, a sua preguiça e o recheio da sua carteira. O básico é mais importante!

Dicas de produtos (nas fotos uma composição possível de cosméticos com boa relação custo-benefício e que não dependem de prescrição médica):

Cuidados básicos para pele OSPW pela manhã.

Cuidados básicos para pele OSPW pela manhã.

Para o sabonete:
Actine líquido R$ 24,40
Effaclar sabonete barra R$ 21,10
Dermax barra R$ 22,90
Suavié líquido R$ 34,00
Cetaphil barra para peles sensíveis R$ 25,93

Para o Clareador:
Klassis R$ 95,70
Melani D La Roche Possay R$ 134,60
Bi-White Advanced Vichy R$ 122,74
Melora D 4 R$ 169,12
Clariderm Clear Serum 30G loçao fluida FPS 18 R$ 36,20
Claripel acquagel (sob prescrição médica) R$ 32,64

Para o Protetor solar:
Minesol Actif gel creme FPS 30 R$ 59,29 (quem não tem a pele super sensível pode substituir pelo Sundown Beauty por R$ 24,61, isso se você conseguir encontrar porque está em falta em várias farmácias e eu espero que a Jonhson não tenha resolvido tirá-lo de linha)
Anthelios Hélioblock Fluide Extrême FPS30 – La Roche-Posay R$ 54,70

Para o Hidratante:
Água thermal Avene (com ativos antiinflamatórios) 150 ml R$ 47,60

Para Maquiagem com FPS indicada para peles sensiveis:
Dermage BLOCK COMPACT FPS 25 R$ 99,90
Toleriane Base Compacta 13 – La Roche Posay FPS 25 R$ 122,80
SOLESS PÓ COMPACTO FPS 36 UVA-UVB R$ 76,34

Noite:

Produtinhos bons para quem tem a pele OSPW usar de noite.

Produtinhos bons para quem tem a pele OSPW usar de noite.

Para clareador:

Melanesse H R$ 175,25
CLARITÉ LOÇÃO CLAREADORA DERMAGE R$ 49,90
Clariderm 2% Gel 30g R$ 37,03
Tri luma creme 30 g (sob prescrição médica) R$ 118,52
Glyquim XM (sob prescrição médica) R$ 42,13
Vitacid Plus (sob prescrição médica) R$ 51,54

Para os olhos (onde a pele é mais seca e a tendência à rugas se manifesta mais precocemente):
Active C Yeux La Roche Possay R$ 110,70
Improve dermage R$ 72,00
Liftactiv Pro Yeux R$ 110,14

Para tratar das peles muito sensíveis:
Cicaplast La Roche Possay R$ 51,70
Cicalfate Avene R$ 48,72

Muita gente nos comentários comentou sobre esfoliantes. Esse tipo de produto é complicado para as pessoas com a pele sensível (o Ionax Scrub, por exemplo não é muito recomendável), já que pode irritar demais a pele. No lugar dos esfoliantes a Dra Leslie recomenda as esponjas Buf Puf  que ajudam a remover as células mortas da pele. Elas são baratinhas, custam cerca de R$ 3,00 podem ser encontradas nas farmácias. Mas use com delicadeza, nada de ficar esfregando muito na pele!

Para quem tem acne, os produtos a base de peróxido de benzoíla podem ser interessantes. Mas use com cautela e suspenda se causar vermelhidão ou irritação excessiva.

O ácido retinóico pode ser uma boa opção (com prescrição) para controlar a oleosidade, mas ele não deve ser usado por pessoas com tendência a formar vasinhos no rosto. Para essas o ácido glicólico é mais indicado. Para diminuir a vermelhidão e os vasinhos, os tratamentos a base de luz intensa pulsada são uma boa escolha (em breve farei um post sobre o assunto).

As máscaras são uma boa opção para os problemas que não estão sendo tratados diariamente. A máscara de vitamina C em pó é uma opção boa para combater os radicais livres e postergar o envelhecimento (mas tome cuidado se a sua pele for muito sensível e com tendência a rosácea, nesse caso a vitamina C pode agravar os sintomas). Máscaras de argila também são uma boa opção para controlar a oleosidade se no dia a dia você está concentrada em combater as manchas. A máscara de argila e abacate da Freeman custa R$ 31,10 na época cosméticos e é uma boa alternativa.

Cuidados extras para dias de empolgação dos cuidados ou ocasiões especiais!

Cuidados extras para dias de empolgação dos cuidados ou ocasiões especiais!

Quem quer dica para fechar os poros e controlar a oleosidade antes de eventos importantes, uma opção legal é a máscara Biopur Pore Reducer One-minute Unclogging Mask da Biotherm. A máscara da Clinique Deep Cleansing Emergency Mask tem efeito semelhante. O preço é salgado (R$ 111,00 a da Biotherm e R$ 85,00 a da clinique na época cosméticos), mas como você não vai usar sempre, dura bastante.

Já para aqueles dias em que a pele amanhece vermelha e irritada, uma opção interessante é a máscara de pepino da purederm custa R$ 15,00.

Enfim, acho que em resumo é isso. Diariamente tratar os problemas que mais incomodam e prevenir os outros. Usar filtro solar SEMPRE, e nas ocasiões especiais ou quando a gente está com vontade de se fazer um carinho extra usar as máscaras para tratar aqueles problemas que ficam meio de lado. Ufa! 😉

Em tempo: a declaração da Mariana de ter deixado de fumar pelo que leu no blog foi um dos comentários mais legais que eu li no blog até hoje. É muito bom saber que esse trabalho ajuda não só na beleza mas na saúde das leitoras como um todo. Obrigada!

Read Full Post »

O início da descrição da Dra Leslie Baumann sobre esse tipo de pele é perfeito:

Estou com 30 anos, mas ainda tenho acne de adolescente e rubor facial vermelho brilhante como uma criança! Isso é muitíssimo embaraçoso. Oi! Eu cresci! Quando a minha pele vai amadurecer?

Sem falar que a nossa pele é a máquina da verdade mais eficiente que existe né?. Basta ficar com vergonha, contar uma mentirinha ou beber um vinho que fica literalmente, na cara! Mas a Dra Leslie garante que a nossa pele até que é bacana de ser ter (sei não…), porque vai melhorando com o tempo (tou esperando então…rsrsrs).

A pele OSNT é a preferida da Rosácea, então para nós que temos esse tipo de pele, é fundamental tomar os cuidados necessários para prevenir a doença.

A rotina de cuidados da Caroline é a seguinte:

De manhã, lavo o rosto com Dermotivin líquido, e passo Sundown Beauty 32 pele oleosa. Faço uma maquiagem leve (base stick oil-free do Boticário, corretivo em bastão nas olheiras, pó pra uniformizar, blush em pó e um batonzinho). Reaplico o filtro na hora do almoço e retoco a maquiagem. Para controlar o óleo, fluido matificante Contém 1g por cima de tudo. Quando chego em casa, tiro a maquiagem com xampu pra bebê Johnsons. Antes de dormir, lavo o rosto de novo com o Dermotivin, uso Adacne e um manipulado à base de vitamina C, DMAE e ácido retinóico na área dos olhos. É isso!

Já a do Fernando é assim:

Apesar de fumar e beber vez ou outra no fds, procuro manter uma vida relativamente saudável, pratico esportes (judo, musculação e yoga) todos os dias, tenho uma alimentação balanceada e tento evitar o stress ao máximo (essa é a parte mais difícil…).
De cosméticos uso o effaclar e suavié, stiemycin e as noites estou revezando o isotrexin (isotretinoina 05mg/g e eritromicina 20 mg/g) com o clindoxyl gel (clindamicina 10mg/g e peroxido de benzoila 50 mg/g) e shampoo stiproxal e kerium. De protetor uso o anthelios xl 60 creme fondante e sundown 30 no corpo (o melhor cheiro do mundo!). To tomando também o Selimax pulso azitromicina. Tenho que fazer limpeza uma ou duas vezes por mês para controlar os cravos.

O livro a pele saudável propõe os seguintes cuidados básicos para a pele OSNT, sem prescrição .

a. Manhã: usar sabonete, loção anti-inflamatória, controle da oleosidade (opcional), filtro solar, base oil free ou pó com filtro solar.
b. Noite: Sabonete, produto antiinflamatório.

Se estiver apresentando acne pode-se acrescentar um tratamento tópico para espinhas durante o dia e um com retinol de noite.

Em relação ao sabonete os dois tanto o Dermovitin da Caroline quanto o Suavié do Fernando são adequados, mas eu prefiro o Suavié porque é liquido e agride menos a pele. Os sabonetes com enxofre (se vocês agüentarem o cheiro) também diminuem a inflamação.O salisoap é uma opção boa e menos fedida na minha opinião,que também contém ácido salicílico e ajuda a limpar os poros.

O Effaclar K que o Fernando usa de manhã antes do filtro solar é uma boa idéia para controlar a oleosidade e eu acho que funciona melhor como primer do que o fluido matificante da contém 1 g, além de fazer uma microesfoliação que trata a pele.

Sabonete Suavié para pele sensivel, Effaclar K para controlar a oleosidade e esfoliar a pele e filtro solar para pele oleosa compõe o kit básico para pele OSNT de manhã.

Sabonete Suavié para pele sensivel, Effaclar K para controlar a oleosidade e esfoliar a pele e filtro solar para pele oleosa compõe o kit básico para pele OSNT de manhã.

De noite, o próprio Suavié pode ser usado no lugar do Shampoo Johnson para tirar a maquiagem. Se o Fernando está gostando do Anthielios não precisa mudar, mas tem gente que não gosta da textura que ele deixa na pele e para essas pessoas o Sundown Beauty ou o Minesol Activ são melhores, porque deixam a pele mais sequinha.

Os retinóides são ótimos para combater a oleosidade e a acne, mas eles podem aumentar as talangectasias em quem é suscetível. Então quem tem vasinhos vermelhos no rosto e não acha charmoso como eu, pode falar com o médico para ver se não é legal trocar o ácido retinóico pelo glicólico. O Diacneal (ácido glicólico) deixou a minha pele bem melhor do que o Vitanol A (tretinoina) ou o adapaleno (principio do Adacne e o Differin).

Existem poucos produtos no mercado aqui no Brasil para controlar a vernelhidão, mas a linha Calmance da RoC é bem interessante. Contém Feverfew (camomila Romana) que é um anti-inflamatório bom para as peles sensíveis. Tem o Hidratante e a Loção de limpeza dessa linha.

O peróxido de benzoila pode ser muito irritante para quem tem a pele sensível, então não é legal usar em concentrações muito altas e colocar só em cima das lesões e não espalhar pelo rosto todo. Os antibióticos tópicos que o Fernando está usando são uma boa opção contra acne moderada em pessoas com a pele sensível.

Loção de limpeza antiinflamatória e tratamento anti-acne completam a rotina para pele OSNT de noite.

Loção de limpeza antiinflamatória e tratamento anti-acne completam a rotina para pele OSNT de noite.

A maquiagem mineral é a ideal para quem tem a pele sensível e oleosa, eu acho que super vale a pena experimentar pelo menos a base. A Mary Kay é a primeira empresa a vender no Brasil e a Everyday Minerals entrega as suas amostras grátis aqui e você paga menos de US$ 5 pelo frete.

Mais dicas para esse tipo de pele tem na minha rotina de cuidados com a beleza.

Read Full Post »

Older Posts »