Feeds:
Posts
Comentários

Archive for the ‘Pele seca’ Category

Vamos dar uma pausa no papo sobre ingredientes antioxidantes, e vamos falar hoje um pouco do processo de envelhecimento da pele. É super importante entender como a pele envelhece para conseguirmos evitar, ou pelo menos postergar esse envelhecimento e também tratá-lo de maneira correta.

Como tudo no nosso corpo, dá um pouco de aflição pensar assim mas é a realidade, a pele envelhece a cada minuto. Mas o lado positivo é que ela está sempre se renovando. A célula que está nascendo hoje, daqui há c erca de um mês estará descolando. Existem, porém, uma série de fator que podem acelerar esse processo, fazendo com que a nossa pele, e consequentemente a nossa aparência fique mais velha.

Existem dois processos básicos de envelhecimento da pele, o intrínseco e os extrínseco.

O íntrinseco é o que ocorre com a idade e não tem muito como impedir. Simplificando a conversa, a nossa genética contém a informação sobre como e quando a nossa pele vai ficar mais fina, mais seca, mais flácida…ah chega! Apesar da propaganda da indústria cosmética sobre cremes que ativam o DNA e cosméticos que atuam nos genes, a dura realidade é que não tem muito o que a gente possa fazer contra o envelhecimento intrínseco, a não ser uma cirurgia plástica.

Já o envelhecimento extrínseco não depende da sorte de ter nascido com uma genética favorável. Ele depende do seu estilo de vida. Vários pecados que a gente comete ao longo da vida podem ir acelerando esse envelhecimento extrínseco e é aí que devemos apostar as nossas fichas para desacelerar o relógio.

Entre os fatores extrínsecos mais importantes está a exposição a raios ultravioletas (que a gente fala sempre sempre aqui no blog, no twitter e na vida), sua rotina de cuidados com a pele, níveis de stress e felicidade (fatores muito importantes esses), alimentação, hormônios, tabagismo e outras doenças e atividade física.

Então o que a gente pode fazer para desacelerar esse processo?

Serei chata, mas não tem como. O passo mais importante é evitar o sol. Filtro solar, óculos, roupas, chapéus, sombrinhas, quanto maior o arsenal, maior a proteção.

Cuide da sua pele. Se você tem acne, rosácea, ou qualquer tipo de dermatite, procure um médico para cuidar. É a maior bobagem quem fala que a pessoa que tem acne, por ter a pele oleosa vai envelhecer mais devagar. Pelo contrário, a inflamação da pele acelera o processo de envelhecimento. Manter a pele sempre bem cuidada, sem lesões, bem hidratada é fundamental.

Cigarro e poluição também envelhecem. Isso porque eles contém os famosos radicais livres, que “enferrujam” a pele.

O desbalanço hormonal também é um fator de envelhecimento. Hormônios desregulados podem causar acne de um lado ou melasma de outro, dependendo pra que lado a balança estiver caindo. Um bom médico também saberá como detectar e corrigir esses problemas.

A alimentação também é algo muito importante. A maioria das deficiências de vitamina aparecem na pele, que fica mais seca, descamativa, frágil e consequentemente, velha. Por outro lado alguns alimentos como peixes, frutas, verduras, etc contém ativos antioxidantes que desaceleram o processo de envelhecimento. Aposte neles!

E por fim se cuide de uma maneira geral. Cada infecção tipo resfriado mesmo, dá uma acelerada no processo pelo stress que trás ao corpo. Ficar sem dormir idem. E o mais importante de tudo cuide da sua cabeça, arrume um hobby, evite situações desagradáveis. Já está provado que a felicidade deixa a pele mais bonita.

Bom final de semana para todos

Renata

Quem quiser se aprofundar no assunto (final de semana chuvoso a vista) tem um artigo de revisão bem bom e recente (de 2009) em português, explicando como é que ocorre o fotoenvelhecimento da pele e como prevenir.

Read Full Post »

Conforme o prometido seguimos essa semana com uma série de posts sobre os ingredientes antioxidantes mais utilizados  nos nossos creminhos. Vamos falar hoje do ALA, ácido alfalipóico.

O ALA é um ingrediente que tem duas funções principais: ele atua como anti-inflamatório e também promove uma descamação leve da pele, fazendo uma esfoliação que funciona como um peeling superficial. Ele é um componente que existe no nosso corpo e que é utilizado nos processos de produção de energia, quando oferecido adicionalmente ajuda a combater os famosos radicais livres.

Os últimos estudos (resumidos pela equipe de dermatologia da British Columbia University do Canadá), concluiram que o ALA a 5% aplicado diariamente no rosto por 12 semanas deixaram a pele mais lisa, fina e com menos linhas finas.

A ação anti-inflamatória desse ingrediente também é interessante após tratamentos na pele com laser ou luz intensa pulsada. Porém os estudos concluiram que ele não tem ação sobre a vermelhidão causada pela exposição ao Sol. Ele também não tem poder de reverter o número de células afetadas pelos raios ultravioletas, portanto deve sempre ser usado em conjunto com filtros solares.

Além de atuar sozinho o ácido alfa lipóico também potencializa os efeitos de outros antioxidantes, como as vitaminas C e E.  Isso ocorre porque ele é efetivo tanto em ambiente aquoso quanto oleoso, e ajuda a transportar esse outros ativos para as células.

Eu não encontrei (apesar de ter pesquisado bastante) muitos creminhos vendidos no Brasil que contém o ingrediente Apesar dele constar em muitas fórmulas manipuladas por dermatologistas.  Os que eu achei foram os seguintes.

Bel Col Revigor intensive, Bel química

Eye Area Therapy, Perricone do Brasil

Hidratante à base de ácido alfa-lipóico com DMAE Face Firming Activator, Perricone do Brasil.

Se alguém usa produtos que contém ácido alfalipóico e puder dar o depoimento e a indicação nos comentários seria bem legal!

Até mais

Renata

Read Full Post »

Eu me lembro que há um tempo era muito comum ver carros de advogados (e provavelmente, seus  amigos, parentes e wannabe advogados porque eram muuuitos carros) adesivos com a frase “consulte sempre um advogado”.  E eu ficava pensando: como assim consulte SEMPRE? Já que eu não sentia nenhuma necessidade (ainda bem!) de precisar desse tipo de conselho especializado.

Então também não vou advogar a frase: consulte sempre um dermatologista. Até porque se a gente pensar na realidade da saúde pública brasileira, que atende a maioria da população, os médicos especialistas em pele são espécies raras. E mesmo se considerarmos quem tem plano de saúde, leva teeeempo pra conseguir agendar uma consulta com um bom dermato pela maioria dos planos.

Na verdade os problemas de pele mais comuns como queimaduras de sol leves, alergias recentes, acne de grau baixo na adolescência, assaduras em bebês, micoses no pé,  etc não necessitam de consulta especializada. O próprio médico geral, ou pediatra, ou ginecologistas pode dar conta do problema. Mas algumas situações são mais complexas e merecem uma atenção de um médico que estudou mais profundamente as doenças da pele.

Em geral os principais motivos para você procurar um dermato são:

1. Alterações na pele que não estão melhorando com o tratamento proposto pelo médico geral, ou que vão e vem.

2. Feridas que não estão cicatrizando

3. Se você tem  história pessoal ou na família próxima (não vale a prima da tia do seu avô) alguém com câncer de pele.

3. Se você tem muitas pintas, sardas, ou mesmo tem a pele muito branquinha. Mais urgente se tem pintas que estão mudando de cor, tamanho, ou se estão coçando ou doendo (nesses últimos casos marque consulta para ontem!).

4.Se você tem doenças de pele mais graves como psoríase, rosácea, dermatite atópica.

5. Se você tem acne mais severa, ou que não está melhorando, ou depois da idade adulta.

Além dos itens acima, também vale a pena consultar um dermato por razões pessoais e estéticas. Para saber quais os tratamentos de beleza são indicados para a sua pele. Nem que seja só para saber o que existe. Afinal nem só de necessidade, mas também de desejo é feita a vida.

Beijão

Read Full Post »

Eu não sei vocês mas eu sou super apressadinha quando começo a fazer qualquer tipo de tratamento, ou dieta, ou ginástica. Tipo começo a dieta hoje (segunda feira, até que não seria uma má idéia…) e amanhã já quero ver a balança acusando pelo menos umas gramas a menos e sentindo a calça mais folgada.

Com os tratamentos para a pele muita gente (e confesso que eu também já fui assim) quer ver o resultado na hora, no máaaaximo em uma semana. Acontece que infelizmente não é assim que acontece. É preciso ter paciência. Os tratamentos para a pele demoram para apresentar resultados, e o que ainda mais chato, não raro a pele piora no início de alguns tratamentos antes de começar a melhorar. Resultado: muita gente desiste do tratamento achando que ele não é bom sem dar o tempo devido.

Em termos gerais para começar a apresentar um resultado satisfatório os tratamentos para pele levam o seguinte tempo:

  • anti acne: seis semanas a três meses.
  • antienvelhecimento: cerca de três meses.
  • tratamentos clareadores: seis a doze meses!

Então pessoal o importante é ser disciplinado e persistente. Seguindo à risca o que foi prescrito pelo seu dermatologista mesmo que no começo a pele pareça igual ou até um pouco pior (se tiver dúvidas sobre se os efeitos que está sentindo são normais consulte novamente o seu médico).

Os resultados virão com o tempo!

Falando em tempo fazia um tempãaaaao que eu não postava no blog né!! Mas estava morrendo de saudades e quando pensei nesse assunto vim aqui compartilhar com vocês. Continuo com o tempo super escasso mas vou fazer o possível para não sumir por tanto tempo de novo!

ah sim quem estiver com saudades e não quiser esperar os posts no blog eu tenho estado mais presente no twitter @bulledebeaute

Beijo grande,


Read Full Post »

Faz tempo que eu tinha prometido um post sobre hidratantes. Mas sabe como é, a vida por aqui anda corrida e o tempo vai passando e às vezes eu até esqueço as minhas promessas!

Mas a gente tarda mas não falha então hoje resolvi escrever sobre esse ingrediente importante na rotina da pele. Afinal todo mundo quer ter uma pele mais macia.

Os hidratantes são o meu sonho de consumo em termos de creminhos. Quem está acostumada a passar cremes nada cheirosos e sentir depois a pele arder, repuxar, descamar entende o que eu estou falando. Tem coisa mais gostosa do que um creminho cheiroso que deixa a pele macia? Só sexo e chocolate né? 

Os hidratantes previnem e tratam o ressecamento da pele. E não é só: eles também protegem a pele sensível, melhoram o tônus e a textura da pele e escondem imperfeições. Na verdade a gente pode encontrar no mercado hidratantes que prometem resolver qualquer problema de pele que você tenha, de descamação a poros abertos, mas será que eles entregam o que prometem?

Quais os ingredientes dos hidratantes?

Os hidratantes funcionam de duas maneiras: atraindo água para a área superficial da pele ou atuando como barreira impedindo que a água evapore. Os ingredientes em geral são compostos por umectantes e emolientes além de outros ingredientes.

  • Umectantes: ureia, glicerina, alfahidróxi ácidos, entre outros. São as substâncias que absorvem água do ar e seguram a umidade na pele. Por isso, para funcionar esses ingredientes precisam ser aplicados em lugares com maior umidade do ar, caso contrário não tem de onde puxar água, né!. Eles também são úteis para deixar a pele mais macia.
  • Emolientes: lanolina, óleo mineral, petrolatum entre outros. Esses ingredientes preenchem os espaços entre as células da pele, ajudando a repor o óleo e lubrificando a pele. Eles podem ter base oleosa ou aquosa. Os emolientes a base de óleo fixam melhor na pele e duram mais. Já os emolientes a base de água são mais fáceis de aplicar, não deixam muitos resíduos mas saem mais facilmente.
  • Fragrância: é o perfume colocado nos hidratantes para dar aquele cheiro gostoso. Mas cuidado porque são a principal causa de reações alérgicas que ocorrem nesse tipo de cosméticos.
  • Preservativos  Conservantes (assim não dá margem pra dúvida rsrs): qualquer produto que contenha água ou óleo na sua compoisção precisa de conservantes para evitar a contaminação por bactérias. Eles evitam que você ganhe uma infecção ao aplicar um cosmético mas também são responsáveis por algumas reações alérgicas ou irritativas na pele.

Os hidratantes também podem vir com uma série de outros ingredientes como vitaminas, minerais, extratos de plantas, filtro solares ou auto-bronzeadores. Alguns também contém ingredientes que prometem reduzir rugas, estrias, poros, etc, etc, etc. Mas nada disso tem comprovação científica. Lembrem-se que hidratantes são classificados como cosméticos. Cosméticos não podem alterar a estrutura da pele e não penetram a derme (camada mais profunda da pele), caso fizessem isso passariam a ser classificados como medicamentos. Então não pague fortunas nem espere milagres dos hidratantes. Em geral, tirando o cheiro, a textura e a embalagem não existe diferença real entre o mais caro e o mais barato dos hidratantes disponíveis no mercado.

Qual o melhor hidratante para você?

Pele normal: Os melhores hidratantes são os a base de água, que deixam a pele com uma textura gostosa e são fáceis de aplicar. Esses hidratantes também podem conter óleos leves como cetil alcool ou ingredientes derivados do silicone como a ciclometicona. Lembra do silicone como primer?

Minha dica de hidratante para pele normal

pele normal

 

Pele seca: para recuperar a pele escolha um hidrantante mais pesado, com base oleosa que contenha ingredientes como uréia ou propilenoglicol. Para as peles muito ressecadas a base emoliente em óleo é melhor porque ela dura mais e faz uma barreira protetora mais eficiente.

Minha dica de hidratante para pele seca:

pele seca

Pele oleosa: há quem diga que a pele oleosa não precisa de hidratante e eu até concordo. Na minha rotina o hidratante vai para o corpo e no rosto eu acho que só o filtro solar já está mais do que bom. Mas quem está fazendo tratamento com ácidos por exemplo, ou usando isotretinoína oral, pode sentir a pele muito ressecada. Nesse caso pode-se usar um hidratante no rosto durante o dia, procurando produtos que sejam não comedogênicos e que contenham ácido salicilico.

Minha dica de hidratante para pele oleosa

pele oleosa

Pele sensível: As peles sensíveis são mais propensas a vermelhidão, descamação e coceira. Por isso prefira um hidratante livre de fragrâncias e ingredientes irritantes, lembra deles?

Minhas dica de hidratantes para pele sensível

pele sensivel

Pele madura: Conforme o tempo passa, a pele tende a ficar mais seca, já que a sua produção de óleo vai diminuindo. Para manter a pele macia, procure um hidrantante com base oleosa como o petrolatum, adicionado de umectantes como ácido láctico ou alfahidróxi ácidos.

Minha dica de hidratante para pele madura:

pele madura

Como tirar maior proveito do seu hidratantes.

  1. Escolha um produto adequado para seu tipo de pele e suspenda o uso se sentir a pele pior, hidratantes só devem melhorar a pele!
  2. Lembre-se que o preço nada tem a ver com a eficiência do produto.
  3. Aplique o hidratantes logo depois do banho ou depois de lavar o rosto assim você consegue “prender” aquela umidade que fica na pele. Quem aplica mais de um produto além do hidratante pode fazer nessa ordem: limpeza-creme de tratamento-hidratante-filtro solar-maquiagem (ufa!)
  4. Não use cremes pesados na sua pele a não ser que ela seja super seca. Deixe os cremes pesadões para os pés, mãos e cotovelos onde até a mais oleosa das pessoas tende a sentir ressecamento.

Suspenda o creme e procure um médico sempre que apresentar reações na pele importantes após o uso de qualquer cosmético.

Read Full Post »

queratose2

Um dos problemas de pele mais comuns (quase metade das pessoas vai ter alguma vez na vida) é conhecida entre os médicos como queratose pilar. Elas nada mais são do que aquelas bolinhas, parecendo espinhas pequenas, que aparecem principalmente nos braços, nas pernas, no bumbum e mais raramente no rosto. Muitas vezes pode ser confundida com acne ou com foliculite até porque a idade de início mais comum é na adolescências.

Mas, diferentemente da acne a queratose pilar é um problema dos folículos pilosos, ou seja, nos pêlos, e não nas glândulas sebáceas. E tem origem genética, então se os seus pais tiveram o problema a chance de você ter também é alta.

É uma condição de pele benigna, mas que tras logicamente problemas estéticos. Muita gente já me perguntou sobre ela nos comentários, inclusive. Não é contagiosa mas é crônica, em algumas pessoas pode curar espontaneamente e outras podem ter o problema por toda a vida. O ressecamento da pele piora o problema que tende  ser mais comum no inverno do que no verão. Na maioria das pessoas a queratose pilar vai e volta, de tempos em tempos. Eu tive bastante durante a minha gravidez, depois passou e até agora não voltou toc, toc, toc.

Não se sabe o que exatamente causa a queratose pilar, mais trata-se de uma produção excessiva de queratina na pele. O que leva a essa produção excessiva pode ser uma reação parecida com a alergia, e por isso, as pessoas que tem doenças alérgicas como asma, rinite, etc tem mais chance de apresentar o problema. As pesquisas até agora não estabelecem relação entre a dieta e o aparecimento de queratose pilar.

A queratose pilar não tem cura. Isso significa que não existe um remédio que possa ser tomado e que vai mandar embora o problema para sempre. Mas não se desespere, há sim tratamento que pode fazer com que a sua pele fique lisinha, lisinha.

Os casos mais leves de queratose pilar podem ser melhorados simplesmente com uma esfoliação leve (leve eim, não é pra tentar tirar as bolinhas à força!), seguido da aplicação de um sabonete para pele seca como o Cetaphil ou mesmo o Dove.

Para os casos mais complicados pode ser adicionar tratamentos a base de ácido láctico, ácido glicólico, uréia, e ácido retinóico (que como medicamento deve ser prescrito por médico).

Uma rotina básica para casos considerados moderados seria o seguinte:

1. Lavar a área com um sabonete para pele seca.

2. De manhã aplicar uma loção a base de ácido lático e uréia como o Eucerin com uréia a 10% e ácido láctico.

3. De noite aplicar um creme a base de ácido retinóico ou adapaleno.

4. Fazer uma microdermoabrasão (ou peeling de cristal), ou peeling de ácido glicólico uma vez por mês com seu médico.

Arsenal básico contra queratose pilar

Arsenal básico contra queratose pilar

Esse tratamento costuma resolver a pele da grande maioria das pessoas com queratose pilar.

Terapias com luz, isotretinoína oral, e tratamentos com imunomoduladores são reservados aos raros casos de maior gravidade. Se a pele ficou escura depois de muito coçar as bolinhas os ingredientes despigmentantes ajudam a minimizar as manchas.

Mais no bulle

Como esfoliar corretamente a pele

queratose2

Read Full Post »

tricos 

Oficialmente o inverno só chega no dia 21. Mas na prática, pelo menos pra quem mora abaixo do equador aqui no Brasil  nós já tivemos uma boa amostra do frio que virá por aí. E esse feriadão (ooooba! sem plantão, brigadão!) promete. Segundo a previsão do tempo teremos frio e chuva por aí. Perfeito para quem como eu, tem como programação principal assistir os 5 filmes que eu acabo de alugar na locadora. Se é isso que você planeja também, corre porque os filmes bons estão acabando!

Bem, no inverno a pele precisa de alguns cuidados especiais, mesmo para quem, como eu, foi geneticamente programada para viver no polo norte e tem a pele mais oleosa do que pinguim nadando perto de petroleiro. E pra cuidar da pele no inverno tem umas dicas importantes.

tricos

1. Proteção solar sempre!

Um dos erros mais comuns que se comete no inverno é deixar de lado o filtro solar. Não pode gente! É a luz e não o calor do Sol que estraga a pele. Quem viaja para as montanhas precisa tomar cuidado extra já que quando mais altitude maior a incidência de radiação ultravioleta.  Sem falar que a neve (para os sortudos que poderão desfrutá-la) reflete tanto ou mais os raios solares do que a áreia da praia.

Dias nublados também não garatem proteção. Mesmo com muitas nuvens pelo menos 80% da radiação continua passando  e prejudicam sim a pele. Atire a primeira pedra quem nunca foi enganado por um “mormaço” na praia!

tricos

2. Hidratação!

Quem tem a pele seca acaba sofrendo mais no inverno. Isso porque na maioria dos lugares a estação mais fria do ano é também a mais seca. Fora isso tem a questão do vento que contribui ainda mais para o ressecamento da pele. Por isso todo cuidado é pouco para evitar que a pele fique ainda mais ressecada.

  • Evite banhos muitos quentes.
  • Evite banhos prolongados (especialmente de banheira…ahhhh!)
  • Escolha um sabonete indicado para peles secas.
  • Use um hidratante potente principalmente nas áreas que são mais sujeitas ao ressecamento como lábios, cotovelos, joelhos, mãos e pés. Os hidratantes a base de uréia são ótimos no inverno. O meu preferido é o da Eucerin com uréia a 10%.
  • Antes ou durante o banho use um óleo pra proteger a pele e depois do banho passe o hidratante com a pele ainda quentinha e úmida, assim ele absorve melhor.
  • Beba bastante líquido, para hidratar a pele por dentro.
  • Agora é a hora de usar aquela máscara facial cheirosa e cremosa!

tricos

3. Use roupas apropriadas.

Aproveite o inverno para saborear a elegância dos países frios. Use e abuse dos cachecóis, gorros, golas altas, enfim tudo que proteja a sua pele do frio e do vento. Óculos escuro também!

tricos

4. Evite mudança bruscas de temperatura.

O famoso choque térmico não é bom para a sua pele, especialmente se ela é sensível ou se você tem Roséola. Alguns especialistas acreditam que a mudança rápida de temperatura, tipo da frente da fogueira de São João para o friozão favorecem a inflamação da pele.

tricos

5. Cuide-se!

Alimente-se bem, repouse quando necessário e evite ficar em lugares fechados cheios de gente. Ninguém consegue manter a pele bonita durante um gripona daquelas, né! E quem fica doente está mais propenso a ter também problemas na pele. O vírus da herpes, por exemplo, adora atacar quem está com a imunidade baixa.

Os tricos incríveis que ilustram o post são da Yoko uma das lojas da Etsy (que é um bazar virtual inacreditável) diga da Aline que explica tudo aqui.

Mais aqui no bulle

Alimentação para pele seca!

10 dicas para cuidar da pele mista. Afinal, existe esse tipo de pele?

Pele DRNW – Seca, Resistente, Não Pigmentada e com tendência a rugas. A pele da mamãe!

Mega post para cuidar da pele seca!

Read Full Post »

Older Posts »