Feeds:
Posts
Comentários

Archive for the ‘Mãos’ Category

Eu poderia ter alergia a amendoim ou melhor ainda a figado de boi (que eu odeio, eca!), mas fui ter logo alergia a bijouterias. É uma chateação, mas eu já me acostumei e aprendi a contornar. Mas o problema ficou grave 😉 quando meu corpo começou a rejeitar a aliança de casamento. Como assim? A aliança é de ouro, poxa, não devia dar reação nenhuma!

É leitores esse é um problema comum! E antes que vocês  resolvam processar a joalheria, brigar com o maridão, ou interpretar o problema como sinal dos céus de que algo não vai bem, eu denuncio o culpado: o sabão!

Isso mesmo, na grande maioria das vezes a alergia, que na verdade é uma dermatite de contato, que aparece bem na região da aliança ou de qualquer anel, ocorre devido ao acúmulo de sabão no local que acaba irritando a pele.

Funciona assim: a gente lava a mão mas não enxágua sua bem. Um pouquinho de sabão fica acumulado na aliança e é ele que causa o problema, não o anel.

Como tratar. É bem tranquilo. Retire o anel, esfregue bem com uma escova de dentes ou uma buchinha nova (óbviamente sem usar sabonete) e coloque para ferver por 10 minutos. Use uma pomadina com corticóide (betametasona) por 5 dias e deixe o anel quardado nesse período  (se ficar sem aliança nesse tempo for ser motivo de divórcio, rsrs, você pode colocar o anel limpo em uma correntinha no pescoço – é assim que eu faço para não perder quando preciso entrar em centro cirúrgico – ou coloque em outro dedo).

Com o dedo curado e o anel limpo o problema não deve voltar a ocorrer, mas para isso é importante que você retire a aliança sempre que for lavar as mãos com sabão, ou então enxágüe sempre com muito capricho!

Viu, é simples! Ufa!

Mais no bulle

Bolinhas nas mãos é ácido úrico?

Dicas para manter as unhas fortes e saudáveis.

Read Full Post »

mãos

Outro dia recebi uma ligação de uma pessoa da minha família perguntando se eu sabia como tratar ácido úrico nas mãos. Eu disse que iria pesquisar e que assim que tivesse uma resposta ligaria de volta. Ela deve ter pensado que não é possível alguém que estuda tanto não saber o tratamento para algo tão comum. E eu fiquei pensando como é que nunca tinha visto nenhum caso de ácido úrico na pele, de nunca terem comentado nada sobre o assunto na faculdade sendo que, de fato não é a primeira vez na minha pequena família que alguém alega ter o problema.

Eis que o mistério está resolvido. As bolinhas que aparecem por vez ou outra na palma da mão (de também na sola do pé) nada tem a ver com o acúmulo de ácido úrico no organismo. O acúmulo de ácido úrico causa outro problema na mão e no pé, a gota. A gota é uma doença caracterizada por uma dor forte em alguma articulação (a mais comum é do dedão do pé), seguida de vermelhidão e inchaço no local. Ele se dá pelo acúmulo de cristais de ácido úrico no local. É uma doença que não aparece na pele.

O que muita gente chama de ácido úrico é na verdade disidrose. Tanto homens quanto mulheres podem ter disidrose que é mais comum na faixa de adultos jovens (como a minha filha gosta de se referir a pessoas na minha faixa etária rsrsrs) ou seja, de 20 a 40 anos.

Ela é caracterizada por vesículas com líquido dentro (parecem um pouco com bolinhas de sagu) que coçam bastante. A causa é desconhecida, mas acredita-se que esteja relacionada com o suor, uma vez que a disidrose tende a piorar no calor ou em situações de stress. O uso de antibióticos como penicilina também pode Algumas alergias ou dermatites de contato podem dar um quadro semelhante então é preciso diferenciar a desidrose desses outros problemas de pele. Quando a pessoa tem crises frequentes de disidrose ela pode desenvolver uma pele mais grossa, ressecada e descamativa que é resultante de lesões repetitivas no local.

Na maioria das vezes a disidrose se resolve sozinha, em um período de cerca de 3 semanas. Pode ajudar no tratamento manter a pele hidratada com cremes e pomadas a base de emolientes como uréia. Algumas vezes pode ser necessário tratamento com medicamentos, especialmente se houver contaminação da pele ferida por fungos ou bactérias. Assim, se o problema estiver aumentando ou se você tem crises frequentes, é muito importante procurar um médico que possa avaliar o problema e prescrever a medicação correta.

Mais detalhes sobre a doença aqui no site da dermatologia.net. Ou no google algumas imagens de disidrose.

Mais no bulle

Suando em bicas? Há solução!

Dicas para manter as unhas fortes e saudáveis.

Mega post para cuidar da pele seca!

Pensamento nada fraco de beleza para o domingo – Mãos e Clarice Lispector.

mãos

Read Full Post »

Acho que eu não comente aqui no Blog mas nas últimas duas semanas estou passando no estágio em Infectologia. Isso explica um pouco a minha ausência relativa aqui no blog. Acho que nem quando eu estava na Oncologia eu estive em contato com pacientes tão graves e tão maltratados devido as suas doenças. Apesar de toda a evolução nos antibióticos e nos retrovirais o fato é que as doenças infecto-contagiosas ainda causam muito estrago por aí.

Uma das doenças que pouco se fala, mas que pode se tornar bastante grave (até porque ela aumenta muito o risco da pessoa desenvolver câncer de fígado) é a Hepatite B. A hepatite B é uma doença causada por vírus que é transmitida principalmente pela via sexual (mas também pode passar de mãe para filho na gravidez, e em todas as formas em que há contato com sangue contaminado, da mesma forma que a Aids).

Mas ao contrário do vírus HIV que é muito sensível e dura pouco tempo fora do organismo humano, o vírus da Hepatite B é mais resistente. É por esse motivo que é muito mais fácil pegar hepatite B do que Aids ao termos contato com alguém contaminado. Por exemplo se uma pessoa acidentalmente se fura com uma agulha contendo sangue de um paciente com HIV a chance dela se contaminar é de 0,3% já se o sangue tiver Hepatite B esse percentual ultrapassa 20% em alguns estudos, ou seja, o risco é bem alto.

Mas o que isso tem a ver com a beleza? Muito! Isso porque vários procedimentos estéticos podem transmitir o vírus da Hepatite B, e o mais corriqueiro dele é o simples hábito de fazer as unhas! Uma pesquisa publicada recentemente e que foi até assunto de reportagem no Fantástico (veja video abaixo) mostrou um resultado assustador: cerca de 10% das manicures de São Paulo eram portadoras do vírus da hepatite B ou C (que também é transmitida pelo sangue). As profissionais da unha tem risco aumentado porque elas acabam tendo contato com o sangue de diversas pessoas (quem é que nunca teve um bife arrancado que atire a primeira pedra…). Mas e aí, o que da sua parte você pode fazer para evitar a doença?

1. Em primeiro, segundo, e terceiro lugar (nem precisava falar, mas não custa nada lembrar…) sexo só com camisinha.

2. Por mais que você confie na sua manicure e no salão que ela trabalha, é bem mais seguro, e higiênico, carregar o seu próprio kit de unha: alicate, aquela pá de empurrar a cutícula, palitinho e lixa. Lixa do pé se for fazer pedicure também (já imaginou que não dá pra limpar muito bem lixa de pé né…argh!)

3. Converse com a sua manicure e veja se ela já fez o exame de sangue e se ela já tomou vacina. Ela é aplicada gratuitamente nos postos de saúde para esse tipo de profissional. Assim você ajuda a sua manicure a não se contaminar e a não disseminar o vírus para outras pessoas. Esclareça que ela deve sempre usar luvas descartáveis!

4. Muito cuidado quando for fazer outros procedimentos que podem envolver sangramento, como tratamentos odontológicos, estéticos, tatuagens, etc. Tudo deve ser descartável ou muito bem esterelizado. Certifique-se o máximo possível.

5. Se ainda não for vacinado vale a pena procurar a vacina caso você se considere dentre as pessoas com maior risco. Hoje a vacina está disponível gratuitamente para bebês no momento do nascimento, crianças, adolescente, profissionais de saúde, outras profissões de risco (como manicures, bombeiros, etc). Na rede privada porém, basta indicação médica, então vale a pena falar com seu médico sobre o assunto e se vacinar se for o caso.

Leia mais aqui no Bulle sobre Dicas para manter as unhas fortes e saudáveis.

Vídeo do Fantástico http://fantastico.globo.com/Jornalismo/FANT/0,,MUL992584-15605,00-E+POSSIVEL+PEGAR+HEPATITE+AO+FAZER+AS+UNHAS.html

Read Full Post »

Quando eu escrevi esse post aqui, falando sobe os cuidados para combater as rugas que podiam ser tomados por meninas novinhas nos seus vinte e poucos anos, algumas pessoas disseram que ficou faltando algumas sugestões de creminhos 😉

Na verdade, a  maioria das pessoas na casa dos 20 não precisa de creme anti-idade, pelo contrário. Como nessa fase da vida ainda prevalece a pele oleosa, muitos cremes antirrugas podem até prejudicar a pele, trazendo oleosidade em excesso ou até mesmo acne.

Já falei aqui no blog também que creme não tem idade e que criar cremes tipo 25+ (fase da vida que as mulheres começam a reparar nas primeiras marquinhas) não passa de uma jogada de marketing.

Mas por outro lado, quem gosta de se cuidar e não resiste a um creminho, tem sim algumas alternativas mesmo antes de virar balzaquiana. Oba! Então vamos a elas:

1. Cremes para a área dos olhos: Mesmo as meninas mais novas tem a pele em torno dos olhos mais fina e seca. Então é uma boa opção começar a aplicar nessa região os cremes anti-idade. Ali é muito difícil aparecer acne e por outro lado é onde a gente vê as primeiras ruguinhas né?

olhos

Hydraphase Yeux La Roche Posay R$ 74,25 É uma opção interessante para a área dos olhos, combate as bolsas das palpebras, problema que não tem idade. 

Linea Pelle Suavizante para Olheiras R$ 88,52 Contém ácido kójico que atuam como despigmentante e ativos descongestionantes para a região dos olhos.

Complete Lift Yeaux R$ 97,94 para quem a flacidez das palpebras já está incomodando.

Reti C Olhos R$ 115,40.  Contém vitamina C e retinol atuando na prevenção dos efeitos da idade na região.

2. Cremes para as mãos: Assim como os olhos, os dorso da mão tem a pele bem fina e também é uma região super dedo dura da idade. Como ali também não tem risco de aparecerem espinhas de acne, é uma ótima região para começar a passar creminhos anti-idade, especialmente aqueles melequentos gostosos que precisam ficar longe do rosto de quem tem a pele oleosa.

maos

Cold Cream Crème Mains R$ 28,88. É um hidratante que deixa as mãos macias e cheirosas.

Lipikar Xerand R$ 51,87 também hidrata a mais ressecadas das mãos e também pode ser usado nos joelhos e cotovelos.

Creme para Mãos com Filtro Solar Dermatus R$ 55,55.  Ótima opção porque além de hidratar também protege do sol e as mãos são depois o rosto o lugar do nosso corpo que mais pega sol…e portanto onde aparecem mais manchinhas solares.

Neoestrata creme para mãos e unhas R$ 90,43. Hidrata e tem ativos que retardam o envelhecimento.

Melora Ahand R$ 90,41. Hidrata e protege a pele das mãos joelhos e cotovelos.

3. Ativos antiacne também atuam contra o envelhecimento: os ingredientes utilizados nos cremes e loções contra acne como o ácido retinóico e o ácido glicólico estimulam a renovação da pele e a produção de colágeno. Mas, ao contrário do glicólico o ácido retinóico é considerado medicamento no Brasil. E não é atoa, se vocês entrarem no tópico que eu escrevi sobre esse ingrediente verão dezenas de comentários de pessoas que sofreram com os efeitos colaterais desse produto. Então vamos combinar que ácido retinóico é ótimo, mas não é para todo mundoe precisa sempre de acompanhamento médico!

4. Despigmentantes também deixam a aparência mais jovem. As manhas causadas na maioria das vezes pele excesso de exposição ao sol, são junto com as rugas, um dos sinais mais aparentes do envelhecimento. Por esse motivo os ativos despigmentantes também podem ser considerados anti-idade. Entre eles temos a hidroquinona e o ácido kójico. Enquanto o primeiro é mais potente o segundo tem a vantagem de poder ser usado de dia, inclusive no verão. Nos tópicos de cada um vocês encontram muitos detalhes, quem quiser se aprofunar e ver dicas de produtos é só entrar nos links.

E claro que nunca é demais falar que o creme antienvelhecimento mais eficiente que existe é o filtro solar. Mas isso, você leitora do blog ja está cansanda de saber, e não sai de casa sem ele, né?

Boa semana para todos nós!

Mais aqui no Bulle de Beauté

10 maneiras de prevenir e tratar os pés de galinha

Pela luz dos olhos seus: cremes para a região dos olhos

Read Full Post »

unhas

A gente está sempre olhando para as nossas unhas, tanto é que quando colocamos um esmalte diferente parece que ele não sai do nosso foco de olhar. As unhas são uma parte importância da nossa aparência e do nosso estilo. Mas será que estamos dando o devido cuidado a elas? Algumas dicas são interessantes para ajudar a manter as unhas sempre lindas!

1. Beba água em quantidades suficientes para ficar hidratada, as unhas precisam de hidratação como qualquer outra parte do corpo. Elas também podem ficar ressecadas e quebradiças na falta de água.

2. Evite remover o esmalte com produtos à base de acetona. Eles podem deixar as unhas esbranquiçadas, manchadas e ressecadas.

3. Mantenha uma dieta saudável rica em vitaminas A, C, B12 cálcio, ácido fólico, zinco e proteínas. Todos esses nutrientes são essenciais para o organismo e alterações nas unhas pode ser o primeiro sinal da carência desses alimentos. Aquelas linhas brancas de aparecem nas unhas podem significar falta de proteínas na sua dieta.

4. Sempre que a sua unha estiver fraca ou ressecada, ou nos climas mais secos, aplique uma base para fortalecer e evitar que as unhas quebrem.

5. Evite usar as suas unhas como ferramentas. Elas não foram feitas para abrir embalagens, raspar, pinçar ou qualquer outra atividade desse tipo.

6. Use luvas sempre que for ficar comas as unhas submersas em água ou em contato com detergentes ou outros produtos químicos.

7. Se você tem o costume de “puxar a pelinha” mantenha sempre um alicate de unhas à mão para evitar cair em tentação.

8. Massagear as mãos ativa a circulação e favorece também o crescimento das unhas.

Leia mais aqui no Bulle:

Bulle de Beauté compara: Base para unhas fracas Ligia Kogos X Risque Seda Base para unhas

Pensamento nada fraco de beleza para o domingo . Com Clarice Lispector falando da importância das mãos na beleza.

unhas

Read Full Post »

Nesses tempos de vida corrida e trânsito, a gente passa muito tempo dentro do carro (eu por exemplo, fico pelo menos 3 horas nas minhas viagens diárias Granja Viana-Campinas). Por esse motivo é sempre bom ter um kit de sobrevivência de beleza dentro do carro, afinal a gente nunca sabe quando pode pintar aquela oportunidade e temos que estar sempre preparadas para ela, certo?

Kit de sobrevivência para ficar bela enquanto enfrenta o trânsito.

Kit de sobrevivência para ficar bela enquanto enfrenta o trânsito.

Minha primeira dica é comprar uma maletinha térmica, afinal os produtos de beleza estragam e derretem no sol radiante que brilha em nosso país na maior parte do ano. A da foto é da Americanas e custa R$ 119,90. A americanas é uma loja boa para montar o kit de sobrevivência porque tem tudo, vende online (aaaamo) e não costuma ser muito cara.

Na hora de rechear a maleta térmica, alguns ingredientes são bacanas (eu desaconselho retocar a maquiagem no carro, primeiro porque acho meio deselegante e segundo porque não tenho coordenação pra isso, então nem coloquei nada nessa linha no meu kit, mas que for mais jeitosa pode ficar à vontade):

1. Brilho labial com protetor solar, afinal quanto mais hidratado seu lábio estiver, mais bonito, saudável e “beijável” ele será. O da nivea custa R$ 12,90 na Americanas.

2. Goma de mascar tipo happy dent. O efeito não é só psicológico, a boa seca é uma das maiores causas de mau-hálito então o gosto do chiclete associado à salivação efetivamente deixam a sua boca mais cheirosa. R$ 14,99 na Americanas. Uma caixinha de fio dental nunca é demais.

3. Aqueles kits de miniatura de perfume são legais, mas custam caro. Uma opção mais barata é usar um vaporizador de bolsa. O do boticário custa R$ 18,90 e você pode colocar o seu perfume preferido dentro.

4. Um spray de cabelo. Esse iluminador da Eh dá aquele brilho extra e ajuda a levantar o astral dos cabelo. Custa R$ 27,90 nas Americanas. Uma fivela de cabelo mais charmosa, ou uma tiara bacana também ajudam a dar um up e são boas para ter sempre à mão.

5. Pó compacto e papel anti brilho  para mandar embora o aspecto pastelzão de feira do final do dia. Um spray de água thermal hidrata sem destruir a maquiagem e também é uma boa opção para o kit.

kit-de-sobrevivencia-1

6. Garrafa de metal, mantém a água na temperatura certa para hidratar o corpo. Esse da coca cola custa R$ 39,90 nas Americanas.

7. Creme hidratante para as mãos. O da granado tem um cheiro delícia, custa só R$ 3,70 e tem o tamanho ideal para caber no kit sobrevivência (50ml). Também vende online. Aliás a loja virtual da granado é tudo de bom, descobri hoje lendo o post lá no it girls.

8. Um par extra de meia calça cor da pele faz a felicidade de toda moça bonita em momentos de pânico. Um kit de costura básico também garante o efeito McGyver na hora do aperto o da foto é da Americanas e custa R$ 9,90.

9. Um kit manicure também salva mãos em perigo. Uma lixa de unha, um frasco de removedor, um pouco de algodão e um esmalte transparente garantem a dignidade das suas unhas. Aproveita e coloca uma pinça de sobranchelha também vai! 😉

kit-de-sobrevivencia-2

10. Vocês vão rir, mas a minha última aquisição para o carro foi esse produto que tapa furo de pneu instantaneamente e garante a direção até o local seguro mais próximo. Afinal, sem falar no perigo que é ficar parada com o carro, ninguém quer ficar toda suja de graxa trocando pneu não é mesmo?

Tai uma cena que eu não acho nada romântica ;-)

Taí uma cena que eu não acho nada romântica 😉

Read Full Post »

Meninas e meninos,

Conforme falei nesse post aqui, esse final de semana estarei no interiorrrr de São Paulo para um casamentão, portanto estarei distante do Blog até segunda-feira de manhã. Mas tem lição de casa para vocês !!!Seguinte, primeiro que eu morro de curiosidade de saber que anda por aqui, então quem quiser se apresentar, dizer da onde vem, o que faz e como chegou no blog seria muito legal, mesmo!

Depois tenho uma proposta: entra nesse post aqui, e siga as instruções para descobrir qual dos 16 tipos de pele é o seu, e depois nesse aqui para descobrir qual o seu fototipo de pele. Feito isso coloque nos comentários esses dados, mais a sua idade e os cuidados de beleza que você tem hoje com a sua pele.

Eu vou analisar os cuidados para cada um dos tipos de pele, apresentando sugestões do que está faltando, de produtos que podem estar mais atrapalhando do que ajudando, de alternativas mais baratas, etc. Vou falar só dos cosméticos e dos rituais, tá?. Não dá para tratar de medicamentos via internet até porque isso depende de consulta médica, mas dá para falar de sabonetes, filtros solares, loções de limpeza, dermocosméticos, maquiagem, enfim, tudo o que não for de prescrição médica.

Vamos lá, todo mundo se conhecer para aprender mais e ficar mais bonita!!

Vamos lá, todo mundo se conhecer para aprender mais e ficar mais bonita!!

Para quem quiser se apronfundar depois eu mega indico o livro A pele saudável da Dra Leslie Baumann. Ela é a criadora dessa classificação da pele em 16 tipos e no livro sugere tratamentos (inclusive com remédios e procedimentos médicos) adequado para cada tipo de pele. A idéia não é incentivar a automedicação, lógico, mas ajudar as pessoas a se conhecerem, se cuidarem e terem substrato informativo para as consultas com o dermatologista. Com isso a pessoa economiza tempo, dinheiro e maximiza os benefícios de beleza, não é o máximo?

Então aproveita esse final de semana para se conhecer, o que é algo fundamental (a gente precisa se conhecer desde para escolher a melhor armação de óculos até para escolher a profissão que vai seguir!!!), e de quebra ganhar umas dicas de beleza personalizadas, que tal? Então corre!!

Read Full Post »

Atendendo a milhares e milhares de pedidos (no caso, dois..rsrsrs) estou fazendo esse post com a minha rotina de cuidados. Claro que o funciona para mim pode não funcionar, ou melhor, provavelmente não vai funcionar para a vizinha, mas eu acho legal para vocês terem uma idéia de como é um esquema de cuidados possível. Espero não decepciona-lás (os) uma vez que eu sou até meio básica, não tenho muito tempo então foco mais no essencial.

Minha pele é do tipo OSNT, ou seja, Oleosa, sensível, não pigmentada e firme e meu fototipo é 2, ou seja, bem branquinha, um tom acima do transparente.

Manhã: Eu acordo e lavo o rosto com o sabonete Cetaphil para peles sensíveis da Galderma e já aplico o filtro solar. O filtro eu tenho variado entre o Sundown Facial Beauty e o Minesol Actif da RoC. Nos dias que a pele acorda com a aparência mais cansada eu uso o Melora C com FPS 15 que eu acho que dá uma levantada na pele, mas nos dias muito quentes ele segura bem menos a oleosidade e como o FPS é menor eu uso ele só naqueles dias mais frios e nublados.
Depois disso que eu vou me arrumar e tomar café da manhã e só depois que eu faço a maquiagem. Minha maquiagem para o dia a dia é bem simples até porque nessa hora em geral estou atrasada então eu passo a base mineral da EDM  (estou apaixonada pela maquiagem mineral é a que fica melhor na minha pele oleosa), um toque de blush também mineral, uma sombra cremosa (que é mais fácil de aplicar), rímel, e batom clarinho. Quando eu estou com mais tempo ai capricho mais na camuflagem com corretivo, esfumo o olho, uso curvex…enfim.

Trânsito: Dentro do carro no porta luvas eu deixo o creme para as mãos (eu uso o Renew da Avon com FPS 15 e que dá uma uniformizada na cor da pele) e o Sundown Labial FPS 30 . Esses são meio vícios e eu passo várias vezes quando estou dirigindo, tanto na ida quanto na volta da faculdade.

Almoço: Eu levo na bolsa um kit básico de base+blush+rimel+batom (a base e o blush são aquelas amostras grátis da EDM). Se está muito quente, eu transpirei muito, ou fiquei mais tempo ao ar livre, eu lavo o rosto, reaplico o filtro solar e refaço a maquiagem básica. Caso contrário eu apenas tiro o excesso de óleo da pele com um papel Kleenex, passo um pó compacto com FPS 25 Block Compact da dermage (que reforça o filtro e diminui mais o brilho da pele) e retoco o batom depois de escovar os dentes.

De noite: Quanto eu chego em casa eu lavo o rosto com o sabonete Acne Wash da Neutrogena (que é o mesmo que eu uso no banho). Antes de dormir eu uso o creme Diacneal da Avene , a base de ácido glicólico.

Frescurites: No verão eu gosto de ter na bolsa um spray pequeno de água thermal da Avene para borrifar o rosto.

Cabelo: Meu cabelo é curtinho e portanto está mega fácil de cuidar. Aliás quem quiser cortar eu recomendo a Lira do Mugen  na Vila Olímpia (super indicação da Fê da Oficina de Estilo). Ela corta muito bem, não tem estrelismos, nem cobra uma fortuna. Um achado!

Foi a Lira aliás que me recomendou o Shampoo e o condicionador que eu estou usando o L´Oreal Elseve Citrus . Super acessível e deixa o cabelo solto e brilhante. Eu uso quase todos os dias no calor e em dias alternados no frio. Antes de dormir eu tenho aplicado o Bepantol solução. Eu coloco no spray para perfume da Boticário .

Mãos: Eu não consigo arrumar uma rotina para fazer as unhas toda semana, já desisti. Então normalmente eu mesma corto, lixo, empurro a cutícula e tiro as pelinhas soltas com alicate e passo uma base ou um esmalte clarinho. Quando a situação beira a calamidade pública acabo buscando ajuda profissional.

Pés: Tenho uma tendência a chulé cantada em verso e prosa pelos meus familiares queridos. Então para não ser acusada de tentativa de homicídio eu tenho usado diariamente o desodorante para os pés da linha Foot Work da Avon . Uma vez por semana eu faço também uma esfoliação com o produto da mesma linha. E nos meus sapatos é todo dia Lisoform em Spray para manter os fungos e as bactérias o mais longe possível.

Cuidados especiais: Uma vez por semana tenho feito uma esfoliação mais profndo em casa com o equipamento de microdermoabrasão da Neutrogena  (que o maridex trouxe pra mim dos EUA) e em seguida passo a máscara de Aspirina C (que tem deixado a minha pele super macia e diminuído o vermelho da pele).

É isso pessoal. Até que não é complicado vai 😉

Read Full Post »

Todas nós, em maior ou menor grau, cometemos os nossos pecadinhos (às vezes pecadões 😉 ) de beleza. Segunda-feira é um dia bom para a gente entrar na linha, rever algumas atitudes e que sabe começar a semana melhor. Mas tem aqueles hábitos que são difíceis mesmo da gente largar, seja porque a gente gosta muito deles, seja porque somos um pouco sem vergonha, mesmo. A idéia dessa série de tópicos não é, então, incentivar os maus comportamentos (rsrsrs até porque, maus comportamentos não carecem de incentivos) e sim dar dicas de como amenizar os prejuízos que esses maus hábitos podem trazer para a sua aparência. Semana passada eu falei do cigarro, da vontade de se bronzear e da delícia (ops) que é tomar banho quentão.Hoje, por sugestão da Aline nos comments vou falar de preguiça de tirar a maquiagem, vou emendar na falta de sono e por fim vou confessar um outro hábito horrível (confessar é bom…) de puxar os cantinhos das unhas e como tentar diminuir esse crime estético. Quem quiser confessar seus pecadinhos e pedir (ou dar dicas), please, semana que vem tem mais!

Que preguiça de tirar a maquiagem depois da balada! É, a maioria de nós já passou por isso: a gente chega em casa e a pilha já acabou faz tempo. O pés estão doendo, o sono é enorme (eu vira e mexe durmo no carro rsrsrs), e pode acontecer da gente não ter forças para fazer aquela limpeza toda que a nossa pele merece. Uma coisa que eu gosto de fazer (e que veio da necessidade de acompanhar o maridão numas baladas meio fortes e no dia seguinte acordar cedinho pra ir para a faculdade) é deixar no porta-luvas do carro um daqueles pacotes de lencinho umedecido (hoje em dia tem de vários modelos e pra tudo quanto é tipo de pele). Com isso você já aproveita e vai virando abóbora no caminho, não precisa nem chegar em casa. Se quiser sofisticar e sua pele for oleosa você pode deixar dois pacotes, um com lencinho demaquilante (que em geral são mais oleosos) e outro com lencinho de limpeza para pele oleosa. Outra dica é usar maquiagem mineral, eu não recomendo dormir com ela, mas se for dormir com alguma a maquiagem a mineral tende a irritar menos a pele e obstruir menos os poros. Evite ao máximo durmir com a pele maquiada de você tem tendência a acne, mas dormir com os olhos maquiados (que é uma maquiagem mais difícil de remover) é menos mau, então se você tiver que escolher, esqueça o olho e capriche mais na limpeza da pele. Por fim, mantenha a mãos uma fronha da travesseiro velhinha na sua mesa de cabeceira para essas emergências, afinal, você moça fina não vai querer sujar a sua fronha de algodão egípcio 300 fios com maquiagem né? Aqui nesse post tem mais dicas pós-balada-pé-na-jaca!

lencinho no porta mala evita acordar com a cara de quem foi atropelada por um caminhão (nas descida!)

lencinho no porta mala evita acordar com a cara de quem foi atropelada por um caminhão (nas descida!)

Dormir 8 horas por noite? Nem em sonho! Todo mundo sabe da importância que é dormir para a nossa beleza (bom, quem não sabe clica aqui que eu explico tudinho nesse post). Só que na vida corrida de hoje, competição, bolsas despencando, dormir 8 horas por noite parece mais luxo do que um pote de caviar beluga acompanhado de champagne gelada (hummm, momento suspiro, pelo sono, bien sur). Se o seu dia é como o meu que não acaba antes da meia hoite e começa junto com o nascer do Sol, o que a gente pode fazer é maximizar as horas de sono, apostando que se não temos quantidade, que tenhamos pelo menos qualidade. Para melhorar a qualidade do seu sono o primeiro passo é iluminação, quanto mais escuro melhor (se você tem medo hehehe, deixe só uma luzinha fraquinha daquelas de tomada). TV ligada nem pensar, se você gosta de pegar no sono com um barulinho, arrume uma TV com timer. Uma música relaxante pode ser uma boa, mas coloque num volume bem baixinho. Se você dorme do lado de alguém que ronca, descole um daqueles protetores de ouvido (a 3M tem um que vende baratinho nas farmácias) essa é o tipo da aquisição que pode mudar a vida da pessoa. Procure dormir vestida e coberta de acordo com a temperatura, e uma brisa, seja da janela seja de um ventilador fraquinho é sempre bom. E por fim: fumar no quarto não, ok?

O tempo é curto? Pelo menos apague a luz, feche a porta. E, se não for muito esforço, coloque os livros e o computador no chão ;-)

O tempo é curto? Pelo menos apague a luz, feche a porta. E, se não for muito esforço, coloque os livros e o computador no chão 😉

Cantinho da unha soltando é irresistível!  Quando eu estou nervosinha as unhas sofrem, mas nem precisa ter stress basta estar sem nada para fazer e ver uma pelinha solta que é batata: nhéc! É quase automático. A conseqüência é óbvia: troca-se uma pele de unha soltando por, no mínimo, uma cutícula inflamada, isso quando não sangram não infecciona, etc e tals. O melhor conselho que eu recebi para controlar esse impuslo veio de uma amiga também comedora compulsiva de cantinhos: andar um alicate de unha na bolsa. Ai quando a pele está solta e dá aquela vontade de puxar, você saca o alicate e faz um trabalho, digamos assim, menos porco. Outra dica legal é procurar manter sempre a unha feita. Quem não tem tempo ou grana pra ir à manicure toda semana pode treinar a dar um tapa na sua própria unha em casa, não é tão difícil quanto parece. Com a unha feita, a chance de uma pele soltar e você querer puxar diminui bastante. E por fim, mantenha uns band-aids meigos na carteira, para qualquer emergência no caso de recaída.

Mantenha a suas unhas sempre bem feitas para evitar ataques canibais!

Mantenha a suas unhas sempre bem feitas para evitar ataques canibais!

 

Read Full Post »

 

Estava reparando nos posts do blog e vi já escrevi vários posts para as pessoas com a pele oleosa, e nem um único para quem tem pele seca. Perdoem-me as meninas de pele seca, mas é que dar conselhos para quem tem a pele assim é como dar dicas para quem quer parecer mais gorda ao se vestir. Mesmo a gente sabendo, conscientemente, que é mais difícil ganhar peso (pra quem é muito magra) do que perder e que cuidar de uma pele muito seca pode ser mais complicado do que de uma muito oleosa, eu sempre fico com a impressão de que vocês magras e de pele sequinha estão tirando onda. Afinal, vocês podem se jogar num brigadeiro de colher e depois passar na pele um daqueles produtos bem cremosos e cheirosos, que em nós que temos pele oleosa parece que vão dar espinhas só de olhar. Mas é claro que estou sendo injusta, então para tentar redimir estou escrevendo esse post com dicas para melhorar o ressecamento, a descamação e aquela sensação de pele repuxando que costuma incomodar quem tem esse tipo de pele.Mas antes das dicas vamos tratar um pouco do que leva ao ressecamento da pele. Ironicamente a pele não fica seca por falta de hidratação. Existem estudos que compararam a quantidade de água presente na pele seca e na pele oleosa e concluíram que não existem diferenças significativas entre as duas. Assim, colocar mais água na pele parece não ser uma boa idéia, e por outro lado, colocar água demais (como ficar horas imersa na banheira) pode até piorar o quadro, já que isso afetaria a matriz extracelular (o conteúdo que fica entre as células que mantêm elas saudáveis e íntegras) da pele, prejudicando o seu funcionamento.

De fato é essa diminuição ou alteração na matriz extracelular que deixa a pele com a aparência ressecada, levando à perda de água. Assim, para prevenir o ressecamento da pele devemos focar nossos esforços em evitar que essa matriz extracelular sofra, bem como fortalecê-la.
Sol também é inimigo da pele seca, então proteja-se com os filtros diariamente!

Sol também é inimigo da pele seca, então proteja-se com os filtros diariamente!

O primeiro passo para evitar danos a pele é evitar substância irritantes presentes nos sabonetes e outros produtos para pele. Entre os principais agentes irritantes estão o álcool, menta, cânfora, fragâncias, etc (em breve vou trazer um post com uma lista completa com os ingredientes dos cosméticos que irritam a pele).

A exposição constante a ambientes secos, como ar condicionados, aquecimento, ou regiões mais secas também pioram a aparência da pele. Se você tem a pele assim deve considerar a idéia de colocar um daqueles umidificadores no quarto, e verá que fará uma boa diferença na sua pele!

A exposição ao sol (sempre ela!) também é uma das maiores vilãs do ressecamento da pele. A exposição ao sol danifica a camada externa da pele e faz com que a camada nova já nasça doente. O Sol também destrói a matriz extracelular. Isso vale não só para a praia como para o dia a dia mesmo, então tenha você pele seca ou oleosa, não pode esquecer o filtro solar.

se jogue!

Os produtos mais cremosos e gostosos são os indicados para pele seca: se jogue!

Promover a renovação celular também ajuda a manter a pele saudável e melhorar a sua aparência. A pele seca vai se acumulando em camadas dando aquela aparência enrugada e endurecida. Um produto esfoliante com pH neutro formulado com ácido glicólico, láctico ou mesmo salicílico ajuda a estimular a renovação da pele de forma saudável. Esses produtos costumam ser indicados para quem tem a pele oleosa, mas na impede que sejam usados também por quem tem a pele seca, já que a esfoliação é bom para as duas. Para quem tem a pele oleosa ajudar a limpar os poros e evitar os cravos, quem tem a pele seca evita o acumulo de camadas e mais camadas de células mortas.

O envelhencimento também costuma levar ao ressecamento da pele, já que com a queda da produção de hormônios após a menopausa deixa a pele mais fica e com uma camada menor de gordura por baixo dela. Não há muito o que pode ser feito para contronar esse problema além da terapia de reposição hormonal (é nesse casos, os seus riscos e benefícios devem ser considerados cuidadosamente).

Longos banhos de banheira ao contrário do que parece, não fazem bem à pele seca.

Longos banhos de banheira ao contrário do que parece, não fazem bem à pele seca.

Vai aqui então um resumo do que pode ser feito para melhorar o aspecto da sua pele seca.

1. Use protetor solar diariamente, faça chuva ou faça sol.
2. Use e abuse de hidratantes que contenham agentes antioxidantes, antiinflamatórios e que retém a água na pele.
3. Se a sua pele for muito seca mesmo, use também produtos a base de óleo.
4. Aplique e reaplique o hidratante (em breve teremos um post completo com tudo sobre hidratantes, como escolher, ingredientes, dicas de marcas, etc, aguardem!) . Se a pele está seca, hidratante. Nunca é demais. Assim que você começar a sentir a sua pele repuxando pode colocar mais hidratante. As mãos são uma parte do corpo que costuma ressecar bastante (mesmo em quem tem pele oleosa), então não se esqueça de aplicar o hidratante nas mãos após cada lavagem (melhor mesmo é deixar ele dentro da sua bolsa, para não esquecer).
5. Evite sabão em barra, é melhor usar loções de limpeza, se o sabonete dá a sensação de repuxamento, não use. Também não esfolie demais a pele, esfregar demais pode tirar a camada de óleo protetora e ressecar a pele, prontanto esfoliação leve e só uma vez por semana.
6. Não fique muito tempo na água, em excesso ela destrói a matriz extracelular e resseca a pele. Portanto dê preferência para banhos curtos, mornos e com pouco sabonete.
7. Compre um umidificador de ambiente, eles não são muito caros, duram bastante e fazem uma diferença na sensação e aparência da pele. Nas Lojas Americanas tem vários modelos a partir de R$ 54,90.
8. Não coloque óleo na banheira. O óleo não vai ser absorvido pela pele assim e pior, ele pode reter os ingredientes de limpeza e provocar mais ressecamento. Se você for usar óleo o melhor momento e logo após sair do banho e se secar com a tolha, deixando a pele levemente úmida. Os melhores óleos são os puros (azeite-extra virgem funciona muito bem), evite os que contém muitas fragâncias irritantes.
9. Não se esqueça dos lábios. Essa região costuma ressecar mais porque não tem uma camada de gordura abaixo da pele. Use especialmente de noite, o que ajuda a acordar com os lábios hidratados em macios. Só fique esperta e fuja dos que contém menta, hortelã ou outros ingredientes irritantes, se você gosta desse gostinho, melhor chupar uma bala.

Se mesmo depois de tudo isso algumas regiões continuarem ressecadas (as mais tinhosas costumam ser os pés, mãos, cotovelos e joelhos), considere fazer um tratamento de choque: após passar o hidratante, passe o óleo e enrole a região com um filme plástico (aqueles de cozinha mesmo), e deixe na pele por cerca de uma hora, funciona super bem!

Read Full Post »

Older Posts »